SAÚDE E ESTILO DE VIDA

10 dicas sobre a higiene íntima feminina para garantir a saúde da região

May 28, 2018 17:01

Ainda hoje a higiene íntima feminina é um assunto considerado tabu por muitas mulheres.
Em pleno 2018, algumas mulheres ainda tem vergonha de perguntar se odores vaginais são normais ou se algo está errado.

Por isso, resolvemos dar 10 dicas sobre higiene íntima feminina para que você entenda de uma vez por todas quais as atitudes deve ter para manter a saúde da vagina em dia.

Em primeiro lugar, é bom lembrar que a alguns odores podem indicar problemas de saúde, mas a vagina tem um cheiro característico de cada mulher e ele é natural, por isso, tentar escondê-lo ou camuflá-lo é um erro.

Sabendo isso, vamos às dicas:

1. Utiliza calcinhas de algodão:

A região íntima deve estar sempre ventilada, por isso, peças íntimas de laycra ou outros materiais que não deixem a área "respirar" devem ser evitadas. Não tem problema usá-las de vez em quando em um situação especial, mas prefira as de algodão no dia a dia.

2. Prefira dormir sem calcinha:

Pelo mesmo motivo pelo qual devemos dar preferência às calcinhas de algodão, é melhor, sempre que possível dormir sem calcinha para que a área íntima "respire" melhor.


3. Sempre se limpe da frente para trás:

Sempre que for ao banheiro limpe-se começando pela região da vagina para trás para evitar que germes e bactérias do ânus sejam transferidos para a vagina.

4. Prefira lenços umedecidos de bebês:

Algumas mulheres gostam de usar aquele lencinhos umedecidos quando estão menstruadas, se você é uma delas, prefira os de bebê por não conterem álcool e nem perfumes em sua composição.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Pesquisas recentes revelam que o uso de produtos para higiene íntima pode ter relação com aumento de infecções

5.  Sempre faça xixi depois do sexo:

Tente sempre urinar após o sexo para evitar infecções do trato urinário.

6. O que você come pode interferir no odor vaginal:

Pode parecer que não, mas o que você come interfere nos odores vaginais, por isso, um dieta saudável pode ajudar a eliminar odores desagradáveis na região.

7. Beba muita água:

Beber muita água também ajuda a evitar odores desagradáveis na vagina porque esse é uma maneira eficiente de eliminar toxinas que podem gerar um mau cheiro na região intima.

8. Faça intervalos nas depilações:

Os pelos pubianos são uma proteção natural da vagina, por isso, não exagere na depilação e faça intervalos entre uma seção e outra.

9. Troque os absorventes internos com frequência:

Se você tem o costume de absorventes internos, lembre-se de trocá-los conforme as instruções do fabricante. 

A maioria das marcas indica que a troca deve ser feita a cada 6 ou 8 horas e alertam para o fato de ficar com o absorvente mais tempo do que isso, pode gerar a Síndrome do Choque Tóxico.

10. Mantenha a umidade natural:

O uso de contraceptivos e hábitos alimentares podem fazer com que a vagina perda sua umidade natural, então converse com sue ginecologistas para saber o que você pode fazer para evitar que isso aconteça.

Fonte: Image

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Sete mitos e verdades sobre as características das partes íntimas da mulher


Este artigo é meramente informativo. Não se automedique e, em todos os casos, consulte um profissional de saúde certificado antes de usar qualquer informação apresentada nesta publicação. O conselho editorial não garante nenhum resultado e não assume qualquer responsabilidade por danos que possam resultar da utilização das informações constantes no artigo.