INSPIRAÇÃO

Garota com Síndrome de Down vence o preconceito e se torna modelo e campeã mundial de ginástica

August 17, 2018 14:51

Chelsea Werner não é uma típica ginasta e modelo. Ela nasceu com Síndrome de Down, um diagnóstico que limita as habilidades da pessoa e que deixa os pais assustados, uma vez que eles têm consciência dos muitos desafios que não somente eles próprios, como também seus filhos, terão que encarar.

A família Werner foi avisada que a filha deles teria vários problemas de saúde e era mais provável que ela não conseguisse alcançar algumas realizações, mas Chelsea desmistificou vários preconceitos sobre a Síndrome de Down e alcançou um nível de sucesso que ninguém esperava.

A mulher compartilhou sua história com o LoveWhatMatters, revelando o quanto ela trabalhou duro para se tornar a pessoas que ela é hoje. 

Chelsea é a ganhadora do Campeonato Nacional das Olimpíadas Especiais e de duas Copas do Mundo de ginástica, mas isso não veio para ela de forma fácil. Ela teve que trabalhar a mesma manobra por anos enquanto as ginastas regulares aprendem a mesma habilidade em poucos meses.

Enquanto a maioria dos times esportivos da escola não queriam deixar ela entrar, alegando que suas habilidades físicas não a permitiriam alcançar bons resultados, Werner não desistiu de seu sonho. Finalmente, ela encontrou um treinador, Dawn Pombo, que estava ansioso por levar ela ao sucesso.

Ninguém pensou que Chelsea seria habilidosa o suficiente para competir, mas ela deixou todos de boca aberta! Treinada por Pombo, a jovem conseguiu sua primeira medalha de ouro.

Todo o trabalho duro valeu a pena!

Por todos estes anos as pessoas vinham até mim e me diziam que eu estava fazendo um bom trabalho. Muitos pais me diziam que também tinham filhos com Síndrome de Down e eu lhes havia dado esperanças. Eu fico muito feliz e orgulhosa quando escuto isso! 

O próximo passo foi seguir a carreira de modelo! Depois de ter sido convidada para participar em uma campanha da H&M, Werner se apaixonou pela vida de modelo. Novamente, ela enfrentou o paredão de maus entendidos e preconceitos sobre seu diagnóstico. Todo mundo ficou dizendo para ela que as portas do mundo da moda estavam trancadas para pessoas com Síndrome de Down.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Este rapaz tem síndrome de Down, tem pouco mais de 20 anos e criou um negócio milionário!

Mas Chelsey descobriu uma maneira de fazer o que ela gostava! Ela começou trabalhando com a agência novaiorquina We Speak, que encoraja modelos da vida real. Ela participou na campanha de aceitação do corpo, que era voltado para inspirar mulheres a desenvolver amor-próprio!

Chelsea Werner é um exemplo de força de vontade e um poderoso sentido de decisão. Ela não deixou seu diagnóstico limitá-la e impedi-la de ir atrás de seus sonhos!

Ela afirma orgulhosamente: "Todo mundo tem desafios na vida mas é a maneira pela qual você lida com eles que faz a diferença!”

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Aos 7 anos, menina com Síndrome de Down quebra a barreira do preconceito e faz sucesso como modelo