Conheça os benefícios da vitamina D para o melhor funciona

INSPIRAÇÃO

Conheça os benefícios da vitamina D para o melhor funcionamento do seu coração

Date March 8, 2018 14:33

Segundo pesquisa realizada na Noruega, as concentrações de vitamina D no organismo estão diretamente relacionadas aos riscos de problemas cardíacos.

A vitamina D tem varias funções no corpo humano e a sua quantidade não pode estar nem acima e nem abaixo do ideal, podendo gerar problemas de saúde nos dois casos.

Gods_Kings / Shutterstock.com

No caso de se ter menos quantidade que o necessário da vitamina no corpo (Hipovitaminose), as consequências podem ser o Raquitismo (doença mais comum em crianças que pode levar a problemas ósseos, mas que é cada vez mais raro por conta da fortificação alimentar), a Osteomalácia (causadora de fraqueza nos ossos), entre outras doenças.

No caso de ter mais vitamina D do que o ideal (Hipervitaminose D), as consequências são: Náuseas, dor de cabeça, fraqueza, dores abdominais, entre outros sintomas. Em casos extremos, pode causar Hipercalcemia, que é quando os níveis de cálcio ficam muito elevados no sangue.

udra11 / Shutterstock.com

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Quando a pinça não ajuda: 3 métodos eficientes no combate aos pelos encravados

A pesquisa norueguesa foi realizada em 4 mil pacientes durante o período de 12 anos com o objetivo de identificar qual seria o nível ideal de vitamina D no sangue. Os pacientes tinha 62 anos em média. Os pesquisadores chegaram ao valor ideal que é entre 42 a 100nmol para cada litro de sangue no corpo.

Mas a Dra. responsável pela pesquisa alerta para as dificuldades em indicar a quantidade certa de reposição da vitamina para cada pessoa, pois esse valor vai depender de um exame que terá resultados variados de acordo com a localização e até mesmo a época do ano em que o exame for feito.

SewCream / Shutterstock.com

Em todo caso, ela acha que todo mundo com casos de problemas cardíacos deve avaliar a necessidade de reposição da vitamina D para evitar problemas futuros.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Massagear estes pontos do pé pode acalmar um bebê chorando ou irritado


Este artigo é meramente informativo. Não se automedique e, em todos os casos, consulte um profissional de saúde certificado antes de usar qualquer informação apresentada nesta publicação. O conselho editorial não garante nenhum resultado e não assume qualquer responsabilidade por danos que possam resultar da utilização das informações constantes no artigo.