Superproteção de Sandy com a vida do filho levanta dúvidas se ela mesma não teve uma infância traumatizante

É natural que os pais tentem criar seus filhos a partir da própria experiência de vida.

Os pais sempre tentam educar seus filhos de uma forma melhor do que vivenciaram e isso faz parte da evolução nas gerações.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Sandy abre o jogo e fala sobre o problema enfrentado na amamentação de seu filho

É o caso da cantora Sandy, que aos 35 anos, tem uma brilhante carreira e vivencia um momento importante da maternidade com Theo, de 4 anos.

Desde que Theo nasceu é perceptível que Sandy e seu marido, Lucas Lima, tentam preservar ao máximo a privacidade de seu filho. Nas redes sociais, são raros os momentos em que Theo aparece.

Até aí, muitos artistas optam por não expor seus filhos nas redes sociais, mas tudo indica que a precaução de Sandy com seu filho Theo pode representar algo mais sólido.

Durante sua participação no programa “Conversa com Bial”, a cantora revelou que vem percebendo um gosto e uma “veia musical” em Theo, mesmo sendo tão novo.

Com todas as letras, ela revelou que ela e seu marido Lucas Lima não querem que o filho Theo entre para o mundo artístico tão cedo: “enquanto ele for criança, não vou deixá-lo ser artista”.

É de conhecimento de todos os fãs e seguidores que Sandy começou sua carreira muito cedo, com apenas seis anos e que a dupla Sandy & Junior chegou a vivenciar bullying e diversos desafios muito precocemente.

Os irmãos Sandy e Junior relembraram suas infâncias e diversos momentos da carreira recentemente nos Programa Altas Horas e o desabafo sore o bullying sofrido chamou a atenção do público.

A decisão de Sandy de não deixar o filho vivenciar o mundo artístico enquanto ele for criança levantou dúvidas dos fãs e seguidores sobre o quanto a sua carreira artística pode ter sido muito mais marcante do que imaginamos e até mesmo traumatizante.

Fonte: GShow

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Sandy completa 35 anos e muda o visual, mas o que todo mundo quer saber mesmo é como ela mantém essa "carinha de 15"