Onde está Jéssica, primeira apresentadora mirim do Bom dia

CELEBRIDADES

Onde está Jéssica, primeira apresentadora mirim do Bom dia e Cia? Veja também por onde andam outras celebridades que sumiram dos radares

Date August 6, 2018 14:41

O “Bom Dia e Cia” é um dos programais infantis mais conhecidos do país. Ao longo de 25 anos, crianças de todos os cantos do país se divertiram com as brincadeiras interativas apresentadas por nomes, até então, desconhecidos do grande público.

Jéssica Esteves

Você se lembra da Jéssica Esteves? Ela foi a primeira apresentadora mirim do programa, ao lado de Kauê Santin. Os dois comandaram as atrações do programa entre 2003 e 2004, quando o programa chegou a ter mais audiência que Ana Maria Braga e Xuxa.

 

Hoje o “Bom dia e Cia” completa 25 anos no ar!!! Eu sempre fui telespectadora, participei do programa com 5 aninhos quando era comandado pela @Eliana . Com uns 8 anos participei novamente, e dessa vez ele estava no comando da @jackypetkovic . Em 2003, após uma apresentação no Teleton Kids, fui convidada a comandar a atração e por lá fiquei até 2005. Dividia o palco com o @klsantin , e fomos então a primeira experimentação do Silvio com “crianças apresentando para crianças”. Deu super certo, o público foi aos poucos se desprendendo da ideia fixa da “apresentadora loira adulta”, e aceitando novos formatos. Fiz muitos shows, viajei bastante, tardes de autógrafo, lancei boneca, jogo de jantar, cozinha, grife de roupa e estampamos até pacote de bolacha/biscoito rs... Foi uma fase maravilhosa, e tenho muito orgulho em fazer parte da história desse programa que há 25 anos entretém crianças com respeito e qualidade! #25AnosDeBomDiaECia #BomDiaECia

Uma publicação compartilhada por Jéssica Esteves (@estevesjessica) em

Depois de sair do programa, Jéssica nunca mais foi vista nas telinhas. Ela cursou Jornalismo e se formou em 2012, mesmo ano em que as coisas começaram a dar errado em sua vida. A jovem perdeu sua mãe naquele ano. A perda também desencadeou uma série de problemas de saúde no pai de Jéssica, que precisou trabalhar para sustentar a casa.

“Fui trabalhar de vendedora temporária de fim de ano em loja de shopping, logo depois me fixei no primeiro emprego que me garantisse maior segurança financeira para poder sustentar a mim, meu pai e minha casa”, disse Jéssica, que hoje trabalha na área financeira de uma empresa de estética.

 

Sou cheia de defeitos, carrego muitas imperfeições... mas não vou mentir, eu amo E MUITO ser quem eu sou

Uma publicação compartilhada por Jéssica Esteves (@estevesjessica) em

Assim como Jéssica, muitos artistas que tiveram uma carreira de sucesso na televisão não continuaram na mesma profissão, por vontade própria ou por necessidade.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Por onde anda Diego Alemão, o vencedor do BBB 7? O rapaz investiu bem sua fortuna e continua preferindo as loiras

Ana Paula Arósio era uma das atrizes mais conceituadas de sua geração. Foram inúmeras novelas, filmes e peças de teatro. A escolha repentina de abandonar a carreira surpreendeu fãs de todo o Brasil. Depois de deixar um projeto no início, Ana foi morar um sítio no interior de São Paulo. Depois de um período no interior do Brasil, ela se mudou com o marido, Henrique Plombon, para a Inglaterra. Suas aparições são raras desde então.

 

 

Uma publicação compartilhada por Ana Paula Arósio (@anapaulaarosio_oficial) em

Joana Prado ficou conhecida pela personagem “Feiticeira”, um símbolo sexual da época. Hoje ela vive nos Estados Unidos com os filhos e o marido, o lutador Vitor Belfort. Joana também atua como empresária do marido.

Cláudio Heinrich ficou conhecido por sua participação em “Malhação”. Ele ainda participou de outras novelas da emissora, mas agora não quer saber dos holofotes. Agora Cláudio se dedica ao esporte. Faixa preta de jiu-jitsu, ele promove cursos de defesa pessoa para mulheres.

Nem todos querem permanecer diante das câmeras pelo resto da vida. Você se lembra de mais algum famoso que deixou a carreira para se tornar gente como a gente?

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: O preço pela personalidade forte: ser polêmico ou ter a boca suja faz com que artistas caiam no esquecimento na Globo