"Essa é a Copa mais importante da minha vida." Casagrande c

CELEBRIDADES

"Essa é a Copa mais importante da minha vida." Casagrande chora durante transmissão e emociona público com confissão pessoal

Date July 17, 2018 13:30

O comentarista da Rede Globo, Walter Casagrande Júnior, é uma personalidade conhecida pelos longos anos em que luta contra o consumo de drogas. Ele já chegou a ser internado em clínica de reabilitação e quase morreu por uma overdose, presenciada pelo filho adolescente.

 

“ FALA, CASÃO “ ja ja no Globo Esporte! #falacasao #globoesporte #gesp #wcasagrandejr #globo #redeglobo

Uma publicação compartilhada por Walter Casagrande Jr (@wcasagrandejr) em

No entanto, essa copa foi um desafio a parte que Casagrande propôs a si mesmo. No término da transmissão da final da Copa Do Mundo da Rússia deste domingo,15, jogo em que a França se consagrou campeã com 4 gols contra 2 da Croácia, o comentarista não segurou as lágrimas e confessou para todo o Brasil a grande vitória que conquistou na copa:

"Essa é a Copa mais importante da minha vida. Eu tive uma proposta quando vim para cá, quando saí do Brasil, que era chegar pela primeira vez numa Copa do Mundo sóbrio, permanecer sóbrio e voltar para a minha casa sóbrio. Então estou muito feliz ".

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Vale a pena ver! Superação de vício de Casagrande será tema de série da Globo

A emoção dessas palavras contagiou também a Galvão Bueno, que chorou junto ao amigo. A reação dos internautas foi positiva e vários comentários foram de solidariedade para com o ex-jogador.

 

“ FALA, CASÃO “! Ja já no Globo Esporte! 😎 🎃 👻 #Gesp #FalaCasao #Wcasagrandejr #Halloween

Uma publicação compartilhada por Walter Casagrande Jr (@wcasagrandejr) em

No twitter, os fãs expressaram seus sentimentos:"Que coisa linda, Casagrande e Galvão chorando. O som dos soluços no ar..

O comentarista revelou em uma entrevista no Fantástico que começou a usar drogas na adolescência, em decorrência da morte prematura de sua irmã, na época com 23 anos, vítima de um infarto fulminante.

Sua primeira experiência com a cocaína foi em 82, quando era jogador do Corinthians. Casagrande passou por vários clubes de futebol, mas sempre fazendo uso de maconha e cocaína. Depois de sua aposentadoria em 1996 é que o vício atingiu seu auge, até que em 2005 sofreu uma overdose em frente do filho.

Em 2007, sofreu um acidente de carro por dirigir sobre o efeito de remédios e cocaína, sendo internado, em seguida, numa clínica de reabilitação. Desde então, entre vitórias e recaídas, o comentarista vem se reerguendo e o objetivo cumprido na Copa da Rússia é mais uma vitória a se comemorada.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Ficou feio! Humorista "brinca" sobre vício em drogas de Casagrande, é detonado e ainda debocha das críticas