Ex-apresentadora da MTV revela longa luta contra depressão:

Ex-apresentadora da MTV revela longa luta contra depressão: "Há um ano na terapia, minha psicóloga disse que eu não ia conseguir"

Celebridades

June 11, 2018 16:45 By Fabiosa

Já faz um tempo que a depressão vem chamando a atenção de médicos e especialistas ao redor do mundo. Essa doença silenciosa pode chegar sorrateiramente em qualquer pessoa e sem motivo aparente.

Segundo a OMS, a depressão afeta cerca de 322 milhões de indivíduos em todo o mundo. E os dados só pioram quando olhamos para o Brasil, que é o país com mais casos na América Latina, com 11,5 milhõs de pessoas.

openeyed / Shutterstock.com

 

E a ex-apresentadora da MTV Cuca Lazzarotto fez parte dessa preocupante estatística e revelou recentemente sua história com a doença. Qualquer pessoa que cresceu nos anos 90 e assistiu ao boom do canal de música de TV aberta, na época, lembra de Cuca, quando ela assumia o comando do programa Disk.

Foi para uma entrevista com um antigo colega de trabalho, no dia 6 de junho, que Cuca revelou sua luta contra a depressão, com a qual teve que lidar por alguns anos.

Tudo começou quando a ex-VJ entrou em um ritmo de trabalho descontrolado. "Trabalhava sete dias por semana. Até que percebi que estava absolutamente esgotada. Tinha dor no corpo inteiro", relembrou Cuca, que também contou que se "entupiu" de anti-inflamatórios e analgésicos para conseguir enfrentar o dia a dia, mas mesmo assim ficava esgotada e sem energia.

Ela então decidiu procurar a opinião de uma amiga psicóloga, que foi firme ao dizer que ela precisava de tratamento. Então Cuca começou o seu longo processo de cura.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: 6 maneiras de ajudar uma pessoa com depressão

Tudo estava caminhando melhor, até que a apresentadora levou um baque na vida pessoal, sua mãe morreu e, com isso, ela piorou o quadro depressivo. Seu diagnóstico, na época, foi de depressão crônica e até a psicóloga posteriormente confessou que achava que ela não ia conseguir.

O fundo do poço chegou. Com problemas profissionais, chegou o momento de "jogar a toalha", como a própria apresentadora colocou.

"Conversei com Deus e disse a ele que não queria mais. Não vou fingir que consigo porque não consigo. Não pensei em tirar minha vida porque acredito que não tenho esse direito. Mas pedi para morrer. Pedi mesmo."

Foi nesse momento que Cuca iniciou o tratamento com medicação. Ela relembra que apesar de ter sido horrível ter que recorrer aos remédios, ao mesmo tempo sentiu um alívio por entender que ela tinha uma doença e que tudo o que sentia tinha uma explicação. "Eu não era louca, chata, fraca, burra, ou outras coisas que ouvi e senti a vida toda. Puxa, que alívio", confessou.

Hoje ela veio a público para falar de sua luta e levantar a consciência de mais pessoas para o caso e, quem sabe, possamos diminuir essas estatísticas preocupantes.

É possível assistir à entrevista completa no vídeo abaixo:

Lembre-se que uma pessoa do seu lado pode estar sofrendo com essa doença silenciosa e é essencial buscar ajuda.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Da negação à aceitação! Engenheira compartilha comovente depoimento sobre sua trajetória até superar a depressão