Mãe de adolescente com síndrome de down deixa mensagem emo

Mãe de adolescente com síndrome de down deixa mensagem emocionante

Família & Crianças

July 6, 2018 19:46 By Fabiosa

Planejar o futuro de um filho desde o nascimento é o que a maioria dos pais fazem, não importa qual a condição da criança, a influência dos pais segue na vida dos filhos até o fim da vida.
 

nd3000/ Shutterstock.com

Stephanie Meridith, é uma escritora que possui um filho com síndrome de Down e dá um exemplo de maternidade demonstrando o quanto ele é importante, Andy é um adolescente de 18 anos e sua mãe fez um relato fantástico sobre todas as conquistas alcançadas pelo jovem que à enchem de orgulho

Stephanie escreveu um e-book chamado "Guia para uma grávida lidar com a síndrome de Down" e "Acolhendo um recém-nascido com síndrome de Down". Ela relata que só deseja que o filho Andy saiba o quanto a vida da família é incrível, mesmo que seja bagunçada algumas vezes. A guerreira afirma que não se acha um exemplo de mãe: “Sou do tipo que esquece de finalizar os antibióticos’’, brincou a escritora 

Ela segue afirmando que tudo isso não é nada perto do seu esforço para fazer com que o filho se sinta aceito. A autora defende e luta pela inclusão do menino na escola, igreja e atividades extracurriculares.
Andy não é um jovem super estudioso, conta a mãe afirmando que o adolescente é descolado, tem vários amigos e conseguiu um emprego aos 16 anos.

A verdadeira intenção da matriarca da família é fazer com que o filho venha a ser parte da sociedade, como qualquer outro jovem.
Mesmo que muitos tentem coloca-lo para baixo, com todo preconceito presente no dia a dia: "Se eles querem fazer karate ou ir para um acampamento esportivo com amigos, inscreva-os’’, aconselhou.

 

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Mãe percorre 600 km de bicicleta no deserto do Saara só pra salvar seu filho

karelnoppe/Shutterstock.com

 

A orgulhosa mamãe diz que há  pessoas que serão incríveis, como um professor que ensinou o garoto a pedalar, mas que também é preciso dar uma "forcinha". De repente, você vai precisa arrumar um companheiro para ir com seu filho a um acampamento, mas não tenham medo de colocar eles no mundo: ''Ensinem seus filhos a voar sozinhos''. 

Ao finalizar o relato, Meridith deixa uma mensagem emocionante :“Se demonstrarmos a importância que as pessoas com síndrome de Down tem, eles iram captar isso também’’. O filho dela liga para os amigos chamando-os para boliche ou para almoçar: "E eles vão! Ele pedalou em sua bicicleta para se candidatar a uma vaga de emprego e conseguiu, o futuro é brilhante e não porque fizemos algo extraordinário, mas porque abraçamos o simples".
 

nd3000/ Shutterstock.com

O que achou do relato e conselhos desta mãe?

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Mãe é tudo igual? De acordo com o zodíaco, não! Veja como é a mãe de cada signo