Tudo sobre os looks de Marina Silva: vale uma consultoria de R$ 67 mil?

Política também é imagem! Embora o currículo, o discurso e a forma como se porta e age nos debates e durante toda campanha, é inegável que muita gente esteja de olho, também, no visual dos candidatos. Se você é melhor, então, a dificuldade é ainda maior, pois você precisa ser elegante, passar uma boa impressão para o eleitorado e arranjar uma forma dos seus looks serem ‘intimidadores’.

Marina Silva que o diga! Em sua terceira campanha à presidência da República, a candidata resolveu ‘ousar’ um pouco mais no visual para tentar impressionar o eleitorado no quesito moda.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Marina Silva 18 (@_marinasilva_) em

Os looks mais largos e em tons vibrantes que ela tem usado sempre que aparece na mídia não são coincidência, não. É uma tentativa de parecer menos fraca perante o eleitorado.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Marina Silva 18 (@_marinasilva_) em

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Pisa menos, Marina! Candidata à presidência dá fora em William Bonner e internet não perdoa

Isso porque, em 2014, a forma como a política se vestia foi alvo de inúmeras críticas entre os eleitores e os outros candidatos.

Hoje vice de Marina, Eduardo Jorge foi um dos que apontou que ela era “magrinha” durante um debate.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Marina Silva 18 (@_marinasilva_) em

É, não tem como negar que a aparência de Marina é mesmo franzina. Mas isso tem explicação: teve malária cinco vezes e hepatite três. Ou seja, sua dieta é estritamente restrita por causa das doenças.

Além disso, é alérgica a maquiagem comum. Por isso, sempre precisa usar elementos naturais para iluminar a pele e dar força aos lábios.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Marina Silva 18 (@_marinasilva_) em

Até agora, você já percebeu que não deve ser fácil mudar a imagem de uma candidata como Marina Silva. Foi exatamente por esse motivo que a equipe de campanha contou com uma ajuda mais do que especial: Clarice Dewes é a personal stylist da candidata e tem como principal objetivo combater essa imagem de fragilidade que os outros tinham dela.

No site da consultora, o preço dos serviços está listado em até R$ 6.890. Até o final da campanha, esse valor pode significar algo acima de R$ 67 mil. Mas calma! Tem um detalhe: Clarice está fazendo tudo isso de graça.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Marina Silva 18 (@_marinasilva_) em

Parte de uma rede de voluntários que atua na campanha, ela tem escolhido cores mais fortes e vibrantes para Marina, que assumidamente prefere os tons pastéis.

As roupas são compradas em lojas específicas e nunca em grandes redes. Isso também tem uma razão: é preciso tomar cuidado com lojas acusadas de trabalho escravo.

Apesar disso, tem um elemento que permanece com Marina até hoje: o famoso coque.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Marina Silva 18 (@_marinasilva_) em

Marca registrada da política, ele também foi destaque nessa campanha. E aí, você acha que a consultoria tem dado resultado ou não?

Fonte: Folha, Folha PE

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Profissão: primeira-dama. Quem são as mulheres que ocuparam esse posto e as que podem ocupá-lo a partir de 2019

Recomendamos