Amor de mãe! Gestante com problema no cérebro arrisca vida

INSPIRAÇÃO

Amor de mãe! Gestante com problema no cérebro arrisca vida para salvar o seu bebê

Date May 16, 2018 15:00

Uma mãe chamada Jennifer Chase Shinsky, de 38 anos, que vive em Virgínia Ocidental, nos Estados Unidos, comoveu o mundo com sua história.

Em julho do ano passado, ela estava radiante com a sua gravidez quando, aos cinco meses de gestação, começou a perceber que estava com a visão turva e sentindo tonturas, além da musculatura do pescoço estar cada vez mais rígida.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Depois de sofrer quatro abortos e sua bolsa estourar no início da gravidez, mãe salva bebê prematuro bebendo nove litros de água por dia

Ela acreditou que estes sintomas seriam da própria gravidez. Mesmo assim, consultou um médico oftalmologista para ver a sua visão e um neurologista, que pediu uma ressonância magnética de crânio.

Ao retornar com os exames, os médicos identificaram células sanguíneas que estavam fora do padrão de normalidade e o diagnóstico foi de malformação arteriovenosa, quando existe uma ligação anormal entre artérias e veias.

A gravidez de 28 semanas estava colocando sua vida em risco, já que existia um aumento do fluxo sanguíneo e isso representava risco de morte. Os médicos foram transparentes ao informarem sobre a gravidade do caso para Shinsky e mostraram que a qualquer momento os vasos sanguíneos de seu cérebro poderiam se romper.

Mesmo assim, Shinsky dediciu continuar e dar uma chance para que seu filho Wesley pudesse se desenvolver. Os médicos então decidiram aguardar até a 29ª semana para a realização de uma cesária. E mesmo com a preocupação de que seu filho nasceria prematuro, ela decidiu arriscar.

Com monitoramento cuidadoso da pressão craniana e da cirurgia, foi realizada a cesária e Wesley foi levado para a UTI neonatal onde recebeu a alimentação necessária e ajuda para respirar durante 45 dias. Hoje Wesley está com 9 meses e tanto ele quanto sua mãe, passam bem.

A prova de que devemos sempre levar em consideração o desejo de uma mãe em salvar a vida de seu filho.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Pequena grande inspiração! Jovem desiste de sua festa de 15 anos para viajar para um campo de refugiados na África