Voluntário de 81 anos surpreende ao fazer doação milioná

INSPIRAÇÃO

Voluntário de 81 anos surpreende ao fazer doação milionária para UTI neonatal

Date 18 de setembro de 2018

Se o amor de um pai ou uma mãe é difícil de medir, imagina só quanto amor cabe no coração dos avós? Algumas histórias nos mostram que esse amor pode não ter limites, mesmo quando não existe uma ligação familiar.

Louis Mapp é um norte-americano de 81 anos. Com três filhos, oito netos e dois bisnetos, ele pode ser considerado um vovô especial. Além de todo o amor que ele recebe dos pequenos, ainda sobra tempo e disposição para cuidar de outras crianças.

undefinedThe University of South Alabama / Facebook.com

Louis começou um trabalho voluntário há quase um ano em um hospital que fica no Alabama, Estados Unidos. A atividade semanal começa com uma viagem de aproximadamente 45 minutos de carro.

undefinedThe University of South Alabama / Facebook.com

O vovô passa seu tempo na UTI do hospital, onde embala bebês que estão em estado de observação, prematuros e doentes.

undefinedThe University of South Alabama / Facebook.com

Apesar de se tratar de um gesto simples, Louis proporciona muito mais do que calor humano aos pequenos em recuperação. Ele consegue fazer aquilo que, muitas vezes, as famílias das crianças não conseguem.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Bebê prematuro recebe alta após seis meses na UTI e família comemora. “Nós vencemos a guerra, nosso ano finalmente começou”

Segundo Renee Rogers, gerente de enfermagem, o contato físico é muito importante para a recuperação dos bebês da UTI. 

“Ser capaz de segurá-los e vê-los sorrir é o que me traz satisfação”, conta o voluntário orgulhoso. Mas as ações de Louis não pararam por aí. Além de dedicar seu tempo para a causa, ele e sua esposa também fizeram uma doação inesperada para ajudar o hospital.

undefinedThe University of South Alabama / Facebook.com

A quantia equivale a 4 milhões de reais, e será destinada aos cuidados dos bebês prematuros, além de ajudar em qualquer possível emergência da unidade de tratamento intensivo.

Embora a quantia em dinheiro seja de extrema importância para o tratamento, a maior contribuição que Louis faz, é com seu tempo e seu carinho incondicional. Esperamos que seu exemplo contagie muitas outras pessoas ao redor do mundo.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Depois de sofrer quatro abortos e sua bolsa estourar no início da gravidez, mãe salva bebê prematuro bebendo nove litros de água por dia