Tá coçando por quê? Descubra 7 coisas que aquela coceirinha chata na pele podem significar para sua saúde

Saúde e Estilo de Vida

June 12, 2018 17:26 By Fabiosa

Sabe aquela coceirinha incessante que incomoda? Ela pode ser um sinal de alerta da sua pele de que tem algo errado. A coceira surge quando alguma reação estimula as terminações nervosas da pele. Essa reação pode ser desde um simples ressecamento na pele ou até doenças mais graves, como câncer. Descubra alguns dos prováveis motivos da coceira que não passa e fique alerta!

1. Alergias e dermatites

São as causas mais comuns, já que qualquer irritação na pele pode causar coceira. A reação alérgica pode ser causada por calor excessivo, picadas de insetos, reações a produtos químicos, poeira ou pêlos de animais e alimentos. Entre as dermatites, são comuns a seborréica (a mais conhecida é a caspa, que ocorre no couro cabeludo) e a psoríase. Elas podem vir acompanhadas com bolhas, vermelhidão e descamação. Nesses casos, é bom conhecer seu histórico de alergias, se afastar do agente causador e procurar um dermatologista.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: As 6 alergias de pele mais comuns

2. Problemas renais

A coceira intensa em todo corpo pode ser sinal de doenças renais crônicas ou avançadas. Ela pode até fazer a pessoa acordar de madrugada para se coçar. Os estudiosos ainda não descobriram a verdadeira causa, mas suspeitam que pode ser pelo acúmulo de toxinas no corpo quando os rins não conseguem remover os resíduos da corrente sanguínea.

3. Problemas hepáticos

Nesses casos, a coceira pode ser um sinal precoce de alguma doença no fígado. Quando o órgão não funciona direito para desintoxicar o corpo, substâncias como os ácidos biliares podem voltar. O tratamento pode envolver medicamentos que inibam a absorção dessas substâncias.

4. Problemas na tireóide

Tanto o hiper como o hipotireoidismo podem causar ressacamento na pele. Alguns estudos apontam que o motivo são as mudanças nas glândulas sudoríparas, mas as causas ainda são incertas.

5. Câncer

É bom ficar alerta, pois a coceira pode ser um dos primeiros sinais de linfoma. O problema no sangue ocasiona uma inflamação como resposta à infecção, o que causa a coceira. Também pode ser um sinal de câncer de mama. A doença de Paget no mamilo, um tipo raro de câncer mamário, tem como sintomas vermelhidão, descamação e coceira ao redor do mamilo e aréola.

6. Menopausa

A menopausa causa inúmeras mudança no corpo da mulher, inclusive ressecamento da pele, motivadas pelas mudanças hormonais. O estrogênio baixo causa a diminuição do colágeno, o resultando numa pele sem umidade natural. Abusar de óleos e hidratantes é ideal para hidratar e aliviar a coceira.

7. Gravidez

No fim das contas, a coceira pode ser um bom presságio! Algumas mulheres apresentam erupções cutâneas e coceira durante a gravidez. É mais comum de ocorrer no abdômen, mas também pode aparecer nos braços e pernas. Dados também apontam que é mais comum em gravidez múltiplas, como gêmeos. A boa notícia é que ela desaparece depois que o bebê nasce.

Vamos ficar alerta aos sinais do nosso corpo!

Fonte: Reader's Digest, Tua Saúde

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Como melhorar sua pele e deixá-la radiante em pouquíssimos dias


Este artigo é meramente informativo. Não se automedique e, em todos os casos, consulte um profissional de saúde certificado antes de usar qualquer informação apresentada nesta publicação. O conselho editorial não garante nenhum resultado e não assume qualquer responsabilidade por danos que possam resultar da utilização das informações constantes no artigo.