Malhação para garantir uma boa velhice: entenda os benefí

SAÚDE E ESTILO DE VIDA

Malhação para garantir uma boa velhice: entenda os benefícios da musculação para a terceira idade

Date June 5, 2018 18:36

A expectativa de vida dos brasileiros está aumentando cada vez mais. Os dados divulgados em 2016 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que o brasileiro vive, em média, até os 75,8 anos. Os avanços na medicina contribuem para um quadro de longevidade maior.

Halfpoint / Shutterstock.com

Mas nós não devemos depender unicamente dos avanços médicos e farmacêuticos para garantir uma vida longa. Não basta chegar à terceira idade e não poder aproveita-la. Para conseguir chegar à velhice com a saúde em dia, os exercícios físicos são ótimos.

Uma caminhada diária feita de acordo com suas capacidades, hidroginástica ou até mesmo algum esporte mais agitado, dependendo do caso, podem ajudar. Mas a musculação tem um papel fundamental na saúde dos idosos. Não pense que ela serve apenas para tonificar os copos na juventude.

Liderina / Shutterstock.com

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: 8 cuidados para manter uma vida saudável ao chegar na velhice

Os exercícios de musculação são fundamentais para trabalhar a força muscular, o equilíbrio e a agilidade. Além disso, o convívio social proporcionado pela rotina de exercícios é muito bom para a saúde mental.

Estudos apontam para um dos maiores problemas de quedas dos idosos. Segundo a pesquisa, o enfraquecimento dos músculos das coxas é o maior motivo das quedas. A musculação pode evitar esse tipo de acidente, fortalecendo os músculos e ossos.

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), as pessoas devem iniciar suas rotinas de musculação desde os 18 anos. Os exercícios de fortalecimento muscular devem ser praticados pelo menos duas vezes na semana.

YAKOBCHUK VIACHESLAV / Shutterstock.com

Alguns profissionais da área ainda indicam exercícios diários para o fortalecimento. O importante é se exercitar para que o corpo esteja firme e preparado quando a velhice chegar.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: 5 dicas para envelhecer bem e ser uma idosa ativa


Este artigo é meramente informativo. Não se automedique e, em todos os casos, consulte um profissional de saúde certificado antes de usar qualquer informação apresentada nesta publicação. O conselho editorial não garante nenhum resultado e não assume qualquer responsabilidade por danos que possam resultar da utilização das informações constantes no artigo.