À procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto

SAÚDE E ESTILO DE VIDA

À procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varanda

Date October 23, 2018 01:25

Elogios deliciosos e grande reconhecimento são algumas coisas que uma selfie pode trazer para você nas redes sociais. No entanto, também pode haver enormes problemas, inclusive terminando com uma morte.

Sim, o preço dessa fotografia perfeita pode até te custar a vida. Pode parecer inacreditável, mas infelizmente, é verdade. Desde 2014, ouvimos vários casos de pessoas que acabaram morrendo por causa de uma simples foto.

À procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandaÀ procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandaÀ procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandaÀ procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandaDudarev Mikhail / Shutterstock.com

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: 5 Ioga Ásanas para ajudar a se livrar das varizes sem sair de casa!

Desta vez foi a professora de português, Sandra Manuel, que morreu ao tirar uma selfie. A polícia local informou que uma forte rajada de vento fez com que Sandra perdesse o equilíbrio e caísse do parapeito do 27º andar de um prédio na Cidade do Panamá.

De acordo com o Metro, a vizinha da professora viu o momento em que ela caiu da varanda. Sandra tinha 44 anos e dois filhos.

A mãe de dois filhos, Sandra Manuela, morreu ao cair da varanda do 27o.andar enquanto tirava uma selfie.

Um fenônemo social

Independentemente da bizarrice, casos como este são mais comuns do que você possa imaginar. Os resultados de um estudo da Universidade Carnegie Mellon, em Pittsburgh, revelam que, nos primeiros oito meses de 2016, 73 mortes por selfie foram relatadas.

Entre as causas, a mais frequente é a mesma que tirou a vida de Sandra – cair de uma grande altura – seguida de perto por afogamento ou atropelamento. Menos frequentes, mas ainda alarmantes, são mortes devido a ataques de animais.

À procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandaÀ procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandaÀ procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandaÀ procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandagettyimages

A conclusão é bastante confusa aqui: as pessoas não sabem os limites de seu orgulho e fazem de tudo para tirar as melhores fotos? Faz sentido arriscar a vida em troca de reconhecimento social?

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: 6 passos para aprender autodrenagem linfática em casa e aliviar a retenção de líquidos

Achamos que não. É por isso que mencionamos esse caso como um aviso para que esse tipo de acontecimento trágico não seja repetido.

O que pode ser feito sobre as mortes por selfie?

Recentemente, nos Estados Unidos, um grupo de estudiosos vem desenvolvendo um aplicativo que alerta as pessoas quando elas se colocam em lugares perigosos na tentativa de tirar uma selfie, como um local alto ou muito perto dos trilhos de uma ferrovia.

Vários países já iniciaram uma campanha de conscientização de selfie para atrair a atenção do público. Além disso, alguns deles até declararam zonas livres para isso.

À procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandaÀ procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandaÀ procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandaÀ procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandabaranq / Shutterstock.com

O que mais podemos fazer para evitar esses acidentes? O desafio do autoconhecimento é fundamental. Estar ciente do preço da sua vida explica a necessidade de aprovação dos outros. Uma boa maneira de aumentar sua autoestima é através de uma boa terapia.

À procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandaÀ procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandaÀ procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandaÀ procura da "selfie perfeita": mulher de 44 anos morreu ao cair do 27º andar, enquanto tentava tirar uma foto na varandaPhotographee.eu / Shutterstock.com

Esperamos que o número de mortes causadas por esse motivo impensável não aumente. O acidente de Sandra e outras mortes semelhantes devem servir como um aviso para aqueles que ainda não entendem o valor de sua existência. Sua vida não tem preço; proteja-a.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Anvisa mandou retirar uma tinta de cabelo do mercado