Pesquisa indica que a insônia pode ser um dos efeitos colat

Pesquisa indica que a insônia pode ser um dos efeitos colaterais de um AVC silencioso

Saúde e Estilo de Vida

June 9, 2018 00:06 By Fabiosa

O Acidente Vascular Cerebral (AVC) ou derrame, como é popularmente chamado, acontece quando há entupimento ou rompimento de vasos no cérebro, gerando paralisia pela falta de irrigação sanguínea nas regiões afetadas.

SpeedKingz / Shutterstock.com

Acontece que o AVC muitas vezes pode ser silencioso, sem demonstrar sintomas muito marcantes, mesmo assim, podem apresentar fraqueza nas pernas, perda de força muscular ou visão, formigamento ou dormência nos membros.

 

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Como identificar os primeiros sinais de um derrame rapidamente com três perguntas simples

 

Um efeito colateral importante é a insônia. Esse novo aspecto foi identificado recentemente por pesquisadores da Universidade de Freiburg, na Alemanha e simultaneamente pela Universidade de Berna, na Suíça.

A conclusão foi fechada após um experimento realizado em laboratório do sono para avaliar a diferença entre os sinais cerebrais de pacientes que tiveram AVC em um período de um ano e outros pacientes sem histórico do problema.

Utilizando a polissonografia que observa os padrões cerebrais durante o sono por dois dias seguidos nestes dois grupos de pacientes, os pesquisadores perceberam que pessoas que tiveram AVC apresentaram maior dificuldade para adormecer e quando dormiam, a eficiência do sono era inferior.

BlueRingMedia / Shutterstock.com

Os cientistas identificaram também que os pacientes que sofreram AVC tinham maior tendência para cochilar ou adormecer durante o dia para aliviar a fadiga de uma noite mal dormida.

 

Os cientistas agora estão buscando entender mais detalhadamente a relação entre o Acidente Vascular Cerebral e o sono, mas já identificaram que alguns fatores são determinantes, como a tensão emocional, as dores e os desconfortos causados pelas sequelas, uma redução na qualidade de vida e falta de atividade física.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Como identificar os primeiros sinais de um derrame rapidamente com três perguntas simples Saúde e Estilo de Vida


Este artigo é meramente informativo. Não se automedique e, em todos os casos, consulte um profissional de saúde certificado antes de usar qualquer informação apresentada nesta publicação. O conselho editorial não garante nenhum resultado e não assume qualquer responsabilidade por danos que possam resultar da utilização das informações constantes no artigo.