Hora de dar adeus às moscas! Elimine esses insetos chatinho

DICAS

Hora de dar adeus às moscas! Elimine esses insetos chatinhos da sua casa de uma vez por todas com essas dicas

Date September 5, 2018 23:32

É quase uma unanimidade: ninguém gosta de ter moscas em casa! Esses insetos são super chatinhos e incômodos, principalmente quando decidem atazanar nossa tranquilidade rodeando nossas cabeças com aquele zunido que ninguém gosta! 

Blow Flies eating their foodPong Wira / Shutterstock.com


Mas, muito além de incomodar, as moscas são sinônimos de algo não vai bem na sua casa. Isso porque elas são atraídas por umidade, restos de alimentos e até comidas estragadas. Ou seja, se tem mosca, tem sujeira! Fora que elas são ótimos transmissores de doenças. Não é nada legal, não acham?

Porém, antes de se desesperar e sair encharcando sua casa de inseticidas prejudiciais à sua saúde, que tal algumas dicas para eliminar esses bichinhos teimosos do seu lar? E o melhor: tudo de maneira prática e natural, sem fazer mal à sua saúde nem à dos seus entes queridos. Hora de dar adeus às moscas!

Cuidado com a comida estragada

Na correria do dia a dia, às vezes ficamos desatentas e deixamos uma fruta ou legume estragar. E aí não tem outra: nossas amigas mosquinhas chegarão para conferir esse delicioso banquete. Isso serve para qualquer alimento, até um pacote de biscoitos que esquecemos aberto em cima da mesa. Latinhas de refrigerante e cerveja? Elas também amam! Por isso, mantenha a limpeza da sua casa em dia!

Sylvie Bouchard / Shutterstock.com

Fique de olho no seu lixo

Não ache que é só jogar fora os alimentos que você se livrará das moscas. Elas darão um jeitinho de chegar até o seu cesto de lixo e fazer a festa! Crie uma rotina para manter seu cesto de lixo sempre limpo e, de preferência, fora de casa. 

271 EAK MOTO / Shutterstock.com

Louça lavada não entra mosca

Quando nos deparamos com aquela pilha de louças, a vontade é deixar tudo para depois, não é? Resista! Ao deixar essa tarefa chata para mais tarde, você vai acabar atraindo uma companhia muito indesejável. Se você não quer receber esse tipo de visita em casa, pode deixar a preguiça de lado e lavar as louças imediatamente.

Wojciech Skora / Shutterstock.com

Cozinha limpa, casa livre

Não é só de louça suja que as moscas gostam. Umidade é outra queridinha dos insetos, que adoram usar locais úmidos para depositar seus ovos. Por isso, sua esponja ou seu pano de prato sujo é o paraíso para eles. Hora de fazer uma limpezinha e manter tudo sequinho!

Que tal um inseticida natural?

Quando nenhuma dessas atitudes é suficente, é hora de partir para o plano B. Mas nada de inseticidas aqui. É possível se livrar delas com algumas armadilhas naturais, usando apenas ingredientes que você tem em casa!

  • Vinagre: passar um pano umidificado com vinagre na casa pode ser bem melhor do que muito inseticida por aí.
  • Cravo da Índia e limão: espete uns cravos nos limões e espalhe pela casa. É super eficiente contra moscas e mosquitos, inclusive o da dengue, além de manter a casa cheirosinha!
  • Álcool e arruda: misture em um liquidificador 1 litro de água com 250 ml de álcool e 100 gramas de arruda. Coe tudo e use um borrifador para espalhar pela casa. Até as formigas vão fugir dele.
  • Louro, eucalipto e manjericão: misture essas folhas e coloque em saquinhos espalhados pela casa. O cheirinho é agradável só para você.
  • Armadilha caseira: coloque uma xícara de vinagre dentro de um saco plástico e faça uma pequena abertura, grande o suficiente para a mosca entrar, mas não para sair. Empurre o buraco com o dedo para formar um funil, sem encostar no vinagre, e amarre o saco com um elástico.

Por essas, as moscas não esperavam! Uma casa limpa, saudável e sem companhia indesejável!

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Essa é para quem morre de medo de ratos: 7 dicas práticas para deixar sua casa livre dessa praga de uma vez por todas!


Este material é destinado apenas a fins informativos. Alguns dos produtos e itens discutidos neste artigo podem causar reações alérgicas ou danos à saúde. Antes de fazer uso deles, consulte um especialista devidamente habilitado. Os editores não são responsáveis por quaisquer consequências que possam ser causadas pelo uso dos métodos, produtos ou itens descritos neste artigo.