Menino autista rouba a cena ao invadir palco durante audiência e atitude do papa Francisco emociona o público

O Papa Francisco já é bastante conhecido pelo seu jeito ousado e bem diferente dos outros pontífices que o mundo conheceu. Mas a nova dele é a forma como agiu após um menino invadir o espaço em uma audiência e roubar verdadeiramente a cena.

O caso aconteceu recentemente. No vídeo, que já tem mais de 900 mil visualizações no Facebook, a criança invade o espaço onde o papa está com o arcebispo Georg Gänswein e começa a brincar com o guarda suíço. 

Desesperada com a situação, a mãe foi até o filho e tentou levá-lo de volta para o banco. Mas parou para explicar ao papa que o filho, de apenas 7 anos, foi diagnosticado com um grau de severo de Transtorno do Espectro Autista e, por isso, não fala e muitas vezes age inesperadamente. 

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Pais pintam casa como um quadro de Van Gogh, para que filho autista nunca mais se perca!

Ao ouvir a história, o pontífice disse que o menino podia continuar por ali brincando, sem nenhum problema. O menino ainda foi ao lado do papa e chegou a pedir um beijo, por meio de gestos. 

“Esta criança não consegue falar, é muda. Porém, sabe comunicar, sabe se expressar. E tem uma coisa que me fez pensar: é livre, indisciplinadamente livre. Porém livre. E me leva a pensar: também eu sou livre diante de Deus? Quando Jesus diz que devemos nos comportar como crianças, nos diz que devemos ter a liberdade que tem uma criança diante de seu Pai...esta criança...peçamos a graça de que possa falar”, declarou minutos depois.

O discurso foi aplaudido pelas mais de 7 mil pessoas que estavam presentes no evento.

O arcebispo ainda aproveitou o momento para brincar com um pouco com a ousadia e a sensibilidade de Francisco. "É argentino...indisciplinado", disse aos risos. 

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Jovem autista supera as dificuldades e está prestes a se formar em medicina!