6 dicas para uma depilação perfeita

Celebridades

April 18, 2018 16:10 By Fabiosa

Quando o assunto é acabar com pelos em lugares indesejados, existem diferentes procedimentos de depilação como resposta, mas nem sempre determinada técnica é a mais apropriada para o seu tipo de pelo ou para a área que você deseja depilar.

Syda Productions / Shutterstock.com

O uso de procedimentos inadequados pode gerar o surgimento de foliculites, dermatites e outras irritações cutâneas ou até mesmo o temido pelo encravado, que muitas vezes, requer, inclusive, um procedimento cirúrgico para a retirada.

Por isso, listamos 6 técnicas de depilação e seus prós e contras para você escolher o procedimento depilatório que melhor se adequa a sua pele e seu estilo de vida.

1. Cera quente

Africa Studio / Shutterstock.com

Esse método de depilação, que consiste em arrancar os pelos pela raiz com uma cera quente, é um dos mais comuns nos salões de beleza e clínicas de estética de nosso país.

Prós

Além de não haver a necessidade de os pelos estarem muito longos para aplicar a técnica, e eles demorarem mais para voltarem a crescer, esse tipo de depilação enfraquece os pelos e pode ser feito praticamente em quase todas as partes do corpo (só não é indicada para o rosto e pescoço).

Contras

A técnica pode ser bastante dolorosa para algumas pessoas, a exposição ao sol deve ser evitada nas primeiras 24 horas e é necessário fazer uma esfoliação das áreas depiladas para evitar o surgimento de pelos encravados.

Dicas

Além da esfoliação pós depilatória, é bom fazer uma assepsia no local a ser depilado antes de aplicar a cera e ainda existem alguns anestésicos para diminuir a dor para as pessoas mais sensíveis.

2. Cera fria

Africa Studio / Shutterstock.com

Mais comum em casa do que em grandes salões por utilizar a cera fria, essa técnica também

consiste em arrancar os pelos pela raiz.

Prós

Por ser mais prática e fácil de aplicar, pode ser feita em casa ou em viagens.

Contras

Ao contrário da cera quente, a depilação com cera fria necessita que os pelos estejam mais longos. Além disso pode ser ainda mais dolorosa porque a temperatura da cera constringe os poros fazendo com que o processo se torne mais doído.

Dicas

Aqui valem as mesmas da depilação com cera quente: esfoliação pós depilatória, assepsia local e uso de analgésicos.

3. Com laser

Juta / Shutterstock.com

Esse tipo de depilação é semi definitiva e pode te ajudar a se livrar dos pelos por até 2 anos com sessões que podem variar entre 7 e 12 vezes.

Prós

Além de ser bastante duradoura, é praticamente indolor e cada sessão é relativamente rápida.

Contras

São necessárias muitas sessões e é preciso deixar que os pelos cresçam um pouco entre elas. Além disso, dependendo da quantidade de pelos o tratamento completo pode sair bastante caro.

Dicas

Se programe para estar com os pelos no comprimento correto antes de cada sessão de laser.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Cinco mitos que as pessoas continuam acreditando sobre a depilação com aparelho de depilar. Você já escutou pelo menos um

4. Com creme

Air Images / Shutterstock.com

Muito utilizado por quem tem pavor da dor das depilações com cera, a técnica do creme depilatório enfraquece o pelo e o faz cair.

Prós

Fácil de aplicar e relativamente duradouro, esse método também pode ser utilizado em casa e em viagens.

Contras

Pode causar alergias e irritações.

Dicas

Siga as instruções da embalagem e faça o teste do toque antes de aplicar o creme em uma área maior.

5. Aparelho elétrico

Dmytro Flisak / Shutterstock.com

Semelhante ao método das ceras, o aparelho elétrico arranca os fios pela raiz e é um método que vem ganhando adeptas no Brasil

Prós

Prático e fácil de ser utilizado, esse método arranca os pelos pela raiz e, por isso, tem uma boa duração e não costuma causar alergias.

Contras

O investimento inicial para a compra do aparelho pode ser relativamente alto e algumas pessoas julgam o método doloroso.

Dicas

Pesquise preços e características dos modelos de aparelhos que existem no mercado e utiliz cremes pós-depilatórios para hidratar.

6. Lâmina

gpointstudio / Shutterstock.com

Muito comum por sua rapidez e praticidade, essa técnica não necessita que os pelos estejam muito longos e é ideal para emergências e viagens.

Prós

Barato e fácil de ser feito, o uso da lâmina pode ser utilizado para complementar outras técnicas de depilação.

Contras

Dura pouco e pode causar irritações e pelos encravados

Dicas

Escolha uma boa lâmina e a utilize no sentido do crescimento dos fios com ajuda de um condicionador ou cremes apropriados para amaciar os pelos e auxiliar o aparelho a deslizar.

Fonte: Ativo Saúde, Capricho, Corpo a Corpo

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: A depilação feminina começou na pré-história como um mecanismo de sobrevivência


Este artigo é destinado apenas a fins informativos. Antes de usar qualquer uma destas informações, consulte um especialista devidamente habilitado. O uso das informações descritas acima pode ser prejudicial para a saúde. O conselho editorial não garante resultados e não assume qualquer responsabilidade por danos ou outras consequências que possam resultar do uso da informação fornecida acima.