Esse menino parecia estar apenas se divertindo, mas na verda

FAMÍLIA & CRIANÇAS

Esse menino parecia estar apenas se divertindo, mas na verdade estava se afogando e um milagre o salvou de algo pior

Date July 17, 2018 13:29

Uma tragédia aconteceu há pouco tempo em um acampamento infantil. Um menino, chamado Seriozha, quase morreu ao se afogar na piscina. Imagens de câmeras mostram que o menino estava dentro da piscina quando começou a se afundar. 

O mais assustador é que as várias pessoas ao redor dele na água sequer perceberam o perigo e continuaram se divertindo. Dê uma olhada nessas imagens e responda: você teria percebido o que estava acontecendo com o menino imediatamente?

O que parecia um simples mergulho na verdade era a criança se afogando. Mas como normalmente ocorre nesses fatos, Seriozha não chegou a gritar ou expressar pânico algum enquanto lutava desesperadamente por sua vida. 

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: 4 estratégias simples para se livrar de um afogamento

© Larisa Leleka / Facebook

Felizmente uma das socorristas estava atenta e notou o incidente. A jovem havia acabado de completar o treinamento de primeiros socorros e, desde então, carregava consigo um dispositivo de ventilação artificial. Foi graças a ela que o menino foi salvo do perigo. © Larisa Leleka / Facebook

O problema é ainda mais sério do que se imagina. De acordo com estatísticas, uma a cada dez crianças se afoga na frente dos pais sem que eles percebam ou mesmo saibam como ajudá-las. Para evitar que uma situação terrível como essa aconteça com você, que tal vermos se conhece os primeiros socorros necessários para agir em situações assim?VCoscaron / Shutterstock.com

Nove sinais que indicam que uma pessoa está se afogando: 

  1. Não há choro, nem pedido de ajuda. Invés disso, a pessoa guarda toda sua força para seus últimos suspiros
  2. Não há ruídos. A pessoa vai, lentamente, desistindo de suas tentativas de sobrevivência
  3. Os movimentos se tornam estranhos e muito lentos, até um pouco confusos
  4. A pessoa tenta agarrar a superfície da água
  5. Olhos vidrados e vazios, que não estão necessariamente focados em, algo, nem fechados
  6. A pessoa para de usar as pernas e começa a ficar na posição vertical dentro da água
  7. Respiração frequente e ofegante
  8. Tenta rolar de costas
  9. Tentar sair da água com movimentos que lembram uma escada

siam.pukkato / Shutterstock.com

O que fazer nessas situações? 

Agir rapidamente é uma das coisas mais importantes quando você percebe que alguém próximo a você está se afogando. Cada segundo é precioso para salvar a vida de alguém. Por isso, a primeira coisa a se fazer é tirar a pessoa da água e verificar se há respiração. Depois, é necessário começar os primeiros socorros para reanimar a vítima. O mais importante é tirar a água dos pulmões. Vire a pessoa para baixo (se for criança, pode colocá-la sobre o próprio joelho) e pressione para trás. A atitude ajuda a remover a água que se infiltrou no sistema respiratório. 

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Ilusionista quase se afoga enquanto realiza truque perigoso no "Britain's Got Talent"

Outra dica importante é instruir apenas uma pessoa da multidão a chamar pelo socorro. Aponte o dedo para alguém e grite "Você, chame uma ambulância". Isso porque se fizer um pedido geral, o pânico vai se instalar e ninguém vai conseguir tomar providências. A partir daí, é preciso fazer respiração boca-a-boca até que especialistas cheguem ao local para auxiliar a vítima. O ritmo ideal da ventilação é 30 pressões para duas respirações. 

pixelaway / Shutterstock.com

Por último, não se esqueça da sequência de ações que podem salvar a vida de alguém. Tome muito cuidado ao nadar e se perceber algo errado, comece a agir rapidamente.  

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Primeiros socorros para quatro cenários que todos os pais e as mães deveriam conhecer e dominar


Este artigo é meramente informativo. Não se automedique e, em todos os casos, consulte um profissional de saúde certificado antes de usar qualquer informação apresentada nesta publicação. O conselho editorial não garante nenhum resultado e não assume qualquer responsabilidade por danos que possam resultar da utilização das informações constantes no artigo.