Quanto vale uma mulher? A noiva mais requisitada da história do Sudão do Sul não estava feliz no dia de seu casamento

Um vestido branco complementado por um lindo e longo véu, essa é roupa dos sonhos de muitas garotas. Um príncipe encantado ao lado, o casal sempre apaixonado, e o casamento acontece como aqueles que podem ser vistos apenas em contos de fadas. Não foi exatamente isso que aconteceu com uma garota de 17 anos do Sudão. O vestido até que era bonito, mas ela não podia esperar amor na relação, já que o noivo a comprou em troca de gado, 3 carros e alguns milhares de dólares.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Cachorro encontra lugar inusitado para acompanhar casamento

A tradição deste país africano é que o noivo deve oferecer um dote à família da noiva. Esta é a garantia de que ele pode sustentar sua futura esposa. E só depois disso os pais da noiva decidem se querem deixar a filha se casar com o pretendente ou não. O valor normalmente combinado é de 30 vacas. Além disso, o pretendente pode ainda adicionar carros ou dinheiro no negócio.

Depois que os pais de Nyalong Ngong Deng Jalang, de 17 anos, anunciaram que estão dispostos a deixar a filha se casar, eles se viram diante de uma fila de noivos em potencial!

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Esse casamento terminou em um ato de bravura

Para os padrões locais, a garota é considerada muito bonita; portanto, os homens mais ricos expressaram seu desejo de tê-la-como esposa.

O vencedor da disputa com outros cinco rivais foi o milionário empresário Kok Alat, que ofereceu um dote bastante generoso: 500 vacas, 3 carros e 10 mil dólares. Nyalong tornou-se a noiva mais cara da história do Sudão do Sul e a 10ª esposa do generoso empreendedor.

O casamento em si foi bastante elegante! Apesar de não se importarem muito que a noiva não brilhe de felicidade, seguir a tradição parece ser mesmo o principal.

Pagar um dote por uma noiva, ou simplesmente comprar uma noiva, é costume em muitos países africanos, bem como na Índia e na China. É realmente maravilhoso que o desejo dos recém-casados de compartilhar uma vida corresponda às tradições. Mas, na maioria das vezes, o desejo materialista dos pais de ficar rico às custas da família assume o controle e eles casam suas filhas mesmo que contra a vontade delas.

O que você acha do aspecto moral da compra de noiva? Isso representa apenas uma parte da cultura ou uma violação dos direitos das mulheres? Ou a felicidade da garota é a mais importante e o resto são apenas formalidades? Não se esqueça de deixar a sua opinião nos comentários.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: "Casamento elopment": nova tendência em estilo de se casar