Pernas amputadas não podem acabar com uma vida: garotinha d

INSPIRAÇÃO

Pernas amputadas não podem acabar com uma vida: garotinha de 7 anos segue carreira de modelo

Date July 19, 2018 14:57

Daisy-May Demetre, uma garotinha de sete anos da cidade inglesa de Birmingham que teve as duas pernas amputadas, demonstra seu grande amor pela vida. A presença das próteses não fez com que ela se tornasse uma refém, trancada entre quatro paredes. O resultado foi completamente diferente.

Logo após o nascimento, o diagnóstico dado pelos médicos foi "hemimelia fibular". Por conta do desenvolvimento anormal dos membros inferiores, os médicos sugeriram amputá-los logo abaixo do joelhos para a posterior colocação de próteses.

Agora a garotinha dispõe de vários pares de "pernas artificiais", com as quais se movimenta como se estivesse com as suas próprias pernas. E ela coloca qualquer prótese de forma muito rápida, em questão de cinco minutos.

A menina vive uma vida plena como seus colegas: ela frequenta a escola, pratica esportes, brinca no parquinho, corre e pula. Ela não se considera especial e não pensa se ela se destaca na multidão ou não.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Guerreira! Laís Souza compartilha vídeos de sua incrível recuperação nas redes sociais e fãs vibram

Os pais de Daisy-May Demetre decidiram ajudar a todos aqueles que sofrem da mesma doença e para isso criaram um perfil para Daisy nas redes sociais, no qual são postadas fotos e informações sobre os resultados obtidos por ela.  As fotos impressionam e deixam todos maravilhados!

Entre as fotografias recentes, uma mostra o desempenho da garota em um concurso de modelo. Isso se tornou possível após o pai dela, Alex Demetre, ter enviado uma foto para uma agência.

A pequena Daisy também tem chamado atenção ao participar de comerciais, ensaios fotográficos e desfile de moda em eventos temáticos. Em outras palavras, a carreira de modelo está se desenrolando com grande sucesso.

Para Daisy, o sucesso deve ser encarado como um processo normal, e ainda sobra tempo para curtir todas as brincadeiras de criança. A força e a energia de Daisy contagiam todos ao seu redor, e a pequena mostra que é possível curtir a vida mesmo nas dificuldades.

Que belo exemplo essa pequena de sete anos nos dá! Compartilhe conosco sua opinião nos comentários.  

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Garoto recebe 2 transplantes de mão. Agora, ele pode abraçar sua mãe novamente!