"Aos 35 anos, eu já me sentia uma pessoa doente": 3 conselh

INSPIRAÇÃO

"Aos 35 anos, eu já me sentia uma pessoa doente": 3 conselhos de uma moça que em apenas dois anos emagreceu 100 kg

Date 14 de maio de 2018

Ao chegar aos 35 anos, a americana Mandie Wood pesava 170 quilos. Ela se sentia completamente sozinha, sofria com a falta de ar e com a falta de movimentos por conta do peso. 

Para falar a verdade, eu não tive nenhum momento que possa chamar de "virada"; eu simplesmente cansei de me sentir como se eu fosse "invisível". Com o passar dos anos, eu entendi que quanto maior ficava em volume, menos as pessoas reparavam em mim.

– comenta Mandie.

Então, Mandie decidiu cuidar de si e, em apenas dois anos, passou a pesar 70 quilos. Agora, Mandy tem o objetivo de contar sobre a mudança em sua vida que ocorreu graça a três regras básicas. E, ao contrário do que possam pensar, passar fome não era uma dela.

Mandie, assim como outras tantas mulheres, tentou emagrecer sozinha. Fazia exercícios por conta própria, cortava tudo o que podia na alimentação e, mesmo assim, não percebia nenhum resultado. 

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Magra e poderosa! Patrícia Poeta ganhará indenização de R$ 30 mil de empresa de emagrecimento

Desesperada, ela decidiu ir ao médico da família, que a encaminhou a um nutricionista. E foi naquele momento que o processo de transformação de Mandie foi iniciado.

O nutricionista ajudou no processo de revisão dos hábitos alimentares. Mandie passou então a substituir as refeições calóricas por outras, mais saudáveis, sem nenhuma restrição mais pesada ou fome. Além disso, o nutricionista recomendou que Mandie anotasse, pelo menos no início do processo, os resultados em uma planilha. Mandie conseguiu balancear sua alimentação de tal forma que chegou aos 35% das calorias consumidas serem provenientes de carboidratos, 25% de gordura e 40% de proteínas.

O cardápio de Mandie era parecido com isto:

  • no café da manhã: aveia;
  • no lanche da manhã: coquetel proteico;
  • no almoço: salada Caesar com molho de iogurte ou espaguete;
  • frutas ou alguns biscoitos água e sal com iogurte;
  • legumes e grãos.

No que diz respeito à pratica de esportes, Mandie costumava frequentar a academia, mas isso não durou muito tempo. O fator preponderante era a falta de motivação: ela não sabia dosar os exercícios em um ou outro aparelho, e a nossa velha amiga "preguiça" começou a falar mais alto. Tudo mudou quando Mandie começou a malhar com um personal trainer. Ele ajudou na preparação de um programa específico de treinamentos e ainda se tornou uma grande motivação para ela. 

тренажером

Publicação de Mandie 🇨🇦 (150+lbs lost) (@mandies_transformation)

E, por fim, o terceiro conselho de Mandie: é preciso estabelecer objetivos claros. O objetivo inicial era perder 100 quilos:

Se eu tivesse colocado diante de mim o objetivo de perder 100 quilos de uma vez, eu nunca teria conseguido. Estabeleça objetivos reais. Siga passa a passo o seu objetivo. Dois quilos qualquer um pode perder, mas quando a questão são 100 quilos...

Dessa forma, em apenas dois anos, Mandie conseguiu se livrar dos 100 quilos a mais. Isso quer dizer que ela conseguiu perder cerca de 4,2 kg por mês. Mandie não se contenta com o que alcançou e quer conquistar novos objetivos. E ela, com certeza, conseguirá. E você? Como andam os seus objetivos?

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Emagrecimento incrível! Mulher comemora perda de mais de 100 quilos e publica as fotos de antes e depois em seu Instagram