Pergunta ao ginecologista: o que significa a estranha secreção marrom fora do período menstrual?

Alguma vez você notou uma mancha marrom na calcinha fora do período menstrual? Muitas mulheres provavelmente se depararam com esse fenômeno.

Felizmente, você não precisa se preocupar muito com isso. Na maioria dos casos, existem explicações bastante razoáveis ​​para esse aspecto! A melhor arma neste assunto é o conhecimento.

Então, o que exatamente faz com que a secreção marrom apareça na sua roupa íntima?

Pergunta ao ginecologista: o que significa a estranha secreção marrom fora do período menstrual?Oaurea / Shutterstock.com

Todo mundo sabe que a secreção de sangue do trato genital é um indicador da saúde das mulheres. Normalmente, ela aparece regularmente, em intervalos quase iguais, dura aproximadamente o mesmo número de dias, e é previsível. Trata-se da menstruação normal durante a idade reprodutiva.

No entanto, a maioria das mulheres tem secreção sanguinolenta ou marrom que não coincide com a data esperada para a menstruação. Então, qual é o problema?

O aparecimento de tais secreções significa que o sangue menstrual foi exposto ao oxigênio por um tempo suficientemente longo para mudar sua cor. Neste caso, a secreção marrom é causada por sangramento fraco.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Higiene íntima sem tabu: Regras simples, mas muito importantes sobre saúde da região íntima para meninas

Se o fluxo menstrual é muito fraco, o sangue fica mais tempo no trato genital e, assim, interage mais com o oxigênio, resultando em um tom mais escuro.

Em alguns casos, esse fenômeno é completamente normal, enquanto em outros, é um sinal, significando que a mulher precisa de uma consulta com um ginecologista.

Quando a secreção marrom entre menstruações é normal

Pergunta ao ginecologista: o que significa a estranha secreção marrom fora do período menstrual?Olga Yatsenko / Shutterstock.com

Se você tem secreção marrom antes ou depois do fluxo menstrual intenso, provavelmente você não precisa se preocupar com sua saúde. Há períodos na vida de uma mulher em que é absolutamente normal ver manchas marrons na roupa íntima.

1. A formação do ciclo menstrual em adolescentes. A imaturidade dos ovários nos primeiros anos após a menarca geralmente leva à menstruação irregular no final do período.

2. Ovulação. Às vezes, as mulheres notam secreção marrom escura 12 a 14 dias antes do início do ciclo seguinte. Neste caso, ela pode estar associada à ovulação. Quando um óvulo maduro deixa o ovário, ele pode ser acompanhado de sangramento leve. Algumas mulheres podem até determinar o dia da ovulação devido à escassa secreção cerca de duas semanas após o final da menstruação, que é acompanhada por leves dores espasmódicas no abdômen.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Você deve ter passado a vida fazendo errado: Aprenda como engolir pílulas e cápsulas

3. Gravidez. A secreção marrom ou rosada antes da menstruação pode ser uma indicação precoce de gravidez. Esse sangramento ocorre quando um óvulo fertilizado é implantado na mucosa uterina. Geralmente ocorre entre a primeira e a segunda semana após a fertilização.

4. Perimenopausa. A secreção de sangue entre as menstruações pode ser um sinal de perimenopausa, especialmente em mulheres entre 40 e 50 anos. É um período de transição imediatamente antes da menopausa, quando a menstruação está prestes a parar.

5. Uso de contraceptivos hormonais. A secreção marrom entre as menstruações é frequentemente um dos efeitos colaterais quando se usam pílulas anticoncepcionais.

Geralmente, esse fenômeno é inofensivo. No entanto, em alguns casos, o aparecimento de manchas marrons na roupa íntima pode indicar alguns problemas de saúde.

Quando você deve ligar o alarme

Pergunta ao ginecologista: o que significa a estranha secreção marrom fora do período menstrual?Yuriy Maksymiv / Shutterstock.com

1. Doença pélvica inflamatória. Infecção uterina e inflamação do colo do útero podem ser acompanhadas do aparecimento de secreção de sangue.

2. Doenças venéreas. No caso de algumas doenças sexualmente transmissíveis, como clamídia ou gonorréia, o aparecimento de secreção marrom é bastante comum.

3. Corpo estranho esquecido. Se você acidentalmente deixar um objeto estranho na vagina (por exemplo, um preservativo, um tampão ou um anel contraceptivo), poderá notar a secreção marrom com um mau cheiro.

4. Síndrome dos Ovários Policísticos. SOP é geralmente acompanhada por um desequilíbrio hormonal, que causa sangramento irregular.

5. Endometriose. Um dos sintomas desta doença ginecológica é uma violação do curso normal de menstruação (o aparecimento de manchas de secreção marrom 1 a 3 dias antes e 1 a 7 dias após a menstruação).

6. Câncer cervical. Em casos extremamente raros, a mancha pode ser um sintoma do câncer de colo do útero. Segundo estatísticas do Instituto Nacional do Câncer, esse câncer é diagnosticado em apenas 0,6% das mulheres.

Quando devo procurar um médico?

Pergunta ao ginecologista: o que significa a estranha secreção marrom fora do período menstrual?Olena Yakobchuk / Shutterstock.com

A secreção marrom não costuma ser motivo de preocupação e geralmente não requer uma visita ginecológica repentina.

No entanto, em alguns casos, você deve definitivamente consultar um médico. Você deve ficar alerta se a secreção:

  • tem um cheiro ruim;
  • permanece por várias semanas;
  • é acompanhada de espasmos ou dor no abdômen;
  • muitas vezes surge após o sexo;
  • é acompanhada de comichão na vagina;
  • é acompanhada de aumento da temperatura corporal;
  • é acompanhada de tontura, dor de cabeça.

Não deixe de entrar em contato com um ginecologista se tiver manchas no trato genital fora do período menstrual ou acompanhadas de novos sintomas. O médico descobrirá a causa e, se necessário, prescreverá o tratamento apropriado.

Fonte: Ayda, New Kids-Center, Positive Med

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Não serve só para beijar e fofocar! Sua língua pode te avisar sobre doenças sérias no seu organismo


Este artigo é meramente informativo. Não se automedique e, em todos os casos, consulte um profissional de saúde certificado antes de usar qualquer informação apresentada nesta publicação. O conselho editorial não garante nenhum resultado e não assume qualquer responsabilidade por danos que possam resultar da utilização das informações constantes no artigo.