Atenção! 8 procedimentos estéticos que podem destruir sua beleza e sua saúde

Dicas

August 28, 2018 16:39 By Fabiosa

Ir a uma clínica de estética é praticamente uma experiência mágica: depois de alguns procedimentos, a pele fica macia, lisa e limpa. A maioria das mulheres frequenta esses estabelecimentos de beleza porque o efeito dos procedimentos é mais rápido em comparação com os feitos em casa. Contudo, nem sempre é possível garantir resultados seguros. Às vezes, as pessoas acabam com erupções cutâneas, o cabelo fica ressecado e a pele do rosto começa a descascar.

Nós preparamos para você uma lista com 8 procedimentos estéticos que podem danificar sua beleza. Tome cuidado!

1. Câmara de bronzeamento

Visitas regulares a uma câmara de bronzeamento ou solário podem causar melanoma. Além disso, essa exposição aos raios UV leva ao envelhecimento prematuro, surgimento de rugas e manchas escuras na pele. Se as lâmpadas forem fortes o suficiente, você pode até mesmo se queimar. Considere autobronzeadores como uma alternativa mais segura.

 

2. Manicure

Os produtos de manicure contêm muitas substâncias químicas que podem irritar a pele, os pulmões e as membranas mucosas. Você pode facilmente contrair uma infecção devido a equipamentos não estéreis. Caso esteja usando esmalte de gel, você pode notar que as unhas se tornam mais finas e frágeis depois de algum tempo. Como uma alternativa mais segura, cuide de suas unhas em casa.

Veja a Duquesa Kate Middleton, por exemplo. Ela pinta as unhas com um simples esmalte nude-bege ou de cor clara. Às vezes, ela não usa nada nas unhas e, ainda assim, é considerada um ícone de estilo pelos ingleses e muitas outras pessoas ao redor do mundo.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: "Bochechas de bulldog": causas e 3 remédios eficazes para evitar procedimentos de beleza caros

 

Публикация от @kievmagazin

 

3. Preenchimentos

Muitas vezes, as mulheres não calculam a dosagem correta e, em vez de se parecem com Angelina Jolie, acabam ficando com lábios de bico de pato. A partir daí, a beleza natural se foi, os colegas começam a comentar pelas costas e o namorado se recusa a beijar. Esta situação é bastante comum. Até mesmo as celebridades não estão imunes às falhas na aparência. Quando algo assim ocorre, elas tomam repetidas injeções de hialuronidase, longidase ou lidase. Estas substâncias aceleram a decomposição e remoção do ácido hialurônico do corpo.

 

A post shared by NadiaBarbie (@nadiabarbie__) on

 

4. Maquiagem permanente

A pele de cada pessoa percebe o pigmento de maneira única. Após a cicatrização, a intensidade da cor reduz de 20 a 70%. Uma esteticista pode retocar os pontos onde o pigmento desbotou, mas somente um mês após o procedimento. Até lá, não há nada que você possa fazer.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Procedimentos estéticos não recomendados por especialistas! Não desperdice seu dinheiro com estes 5 tratamentos da moda após os 35 anos

 

 

5. Resurfacing a laser

Este é um procedimento bastante traumático e os resultados podem ser bem diferentes daqueles esperados e nem sempre agradáveis. Após o procedimento, existe um risco muito elevado de contrair uma infecção da pele. O surgimento de eritema, aumento na pigmentação e cicatrizes também são possíveis.

 

6. Erupções depois da limpeza

Existe uma grande chance de você ter uma erupção após realizar uma limpeza de pele. Neste caso, certifique-se de contatar a esteticista para a indicação de um creme antibacteriano.

 

7. Peeling químico

Este tipo de peeling envolve o uso de fenol, um composto químico extremamente tóxico. A reação da pele a esse ácido é bastante imprevisível. Existe um risco muito alto de danificar a camada basal da pele, mesmo sob a supervisão de uma esteticista experiente.

 

8. Lift facial

Você pode encontrar pessoas que tiveram experiências bastante perturbadoras com esse procedimento altamente arriscado. Há chances de você ter contusões e inchaço.

 

Se você valoriza a sua saúde, tenha cuidado com estes procedimentos de beleza. Se possível, evite realizar alguns deles. Você já fez algum dessa lista?

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Estrias: por que elas aparecem sempre nos mesmos lugares e como tratá-las?

 


Este artigo é destinado apenas a fins informativos. Antes de usar qualquer uma destas informações, consulte um especialista devidamente habilitado. O uso das informações descritas acima pode ser prejudicial para a saúde. O conselho editorial não garante resultados e não assume qualquer responsabilidade por danos ou outras consequências que possam resultar do uso da informação fornecida acima.