8 erros na cozinha que cedo ou tarde podem causar problemas

DICAS

8 erros na cozinha que cedo ou tarde podem causar problemas de saúde

Date July 23, 2018 16:53

É bem possível que a maioria das donas de casa saiba que alguns utensílios de cozinha, tais como a tábua de carne, em muitos casos podem ficar mais sujos que uma tampa de privada. No entanto, há ainda outras coisas e hábitos relacionados à preparação e ao armazenamento de alimentos que podem trazer problemas sérios à nossa saúde. 

Hoje falaremos sobre 8 erros comuns que muitos de nós cometemos na cozinha.

1. Guardar o leite em local inapropriado

vvoe / Shutterstock.com

Qualquer derivado do leite (iogurte, coalhada etc.) deve ser guardado nas prateleiras da geladeira. A temperatura nas prateleiras é mais baixa do que na porta, local onde costumamos deixar os derivados de leite. Ao serem colocados nas prateleiras, tais produtos costumam demorar mais para estragar.

2. Jantar sentado no sofá

Tero Vesalainen / Shutterstock.com

É provável que muitas pessoas gostem de se sentar confortavelmente no sofá com um prato da sua comida preferida, prontas para ver um bom filme. De fato, isso é muito bom, mas tal hábito pode trazer algumas contraindicações. Se a posição do corpo estiver errada, a comida, junto com o suco gástrico, retornará ao esôfago, causando uma sensação de queimação. Para evitar, recomendamos que você permaneça na posição vertical por pelo menos 1 hora após ter terminado a refeição, e procure não fazer força nem se inclinar muito.

3. Deixar a comida esfriando por muito tempo antes de colocá-la na geladeira

from my point of view / Shutterstock

Não recomendamos que os alimentos preparados sejam deixados por mais de 1 ou 2 horas fora da geladeira. Em temperaturas que variam de 4 a 60 °C, os alimentos começam a estragar mais rapidamente. Além disso, há uma rápida proliferação de bactérias que podem provocar problemas sérios de saúde. A refrigeração dos alimentos deve ser feita exclusivamente na geladeira. Porém, antes de colocá-los dentro dela, aconselhamos que eles sejam acondicionados em embalagens de fechamento hermético. Se eles serão consumidos logo, mantenha todos os alimentos perecíveis em uma bolsa térmica.

4. Demorar para trocar a esponja de lavar louças

Maxal Tamor / Shutterstock.com

Estudos mostraram que a esponja de lavar louças é o item mais sujo entre todos os que costumamos ter em casa. Esse item, de aparência inofensiva, pode conter uma enorme quantidade de bactérias, entre elas a salmonela e a E. coli.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: 10 passos para deixar a sua cozinha mais organizada

Rostislav_Sedlacek / Shutterstock.com

A melhor maneira de reduzir a concentração de bactérias é, após o uso, molhar a esponja e, sem apertar, colocá-la no microondas por 1 minuto. A ação das ondas eletromagnéticas reduz significativamente a contaminação. No entanto, esse método só pode ser utilizado em esponjas que não contenham nenhuma parte metálica ou plástica. Além disso, recomenda-se a troca da esponja uma vez por semana. 

5. Provar a comida para saber se ela está estragada

Iakov Filimonov / Shutterstock.com

Cada produto tem um prazo de conservação. Muitas vezes, para verificar se o alimento está estragado, nos orientamos pelo cheiro, gosto e aspecto. No entanto, por esses meios é impossível determinar a presença ou não de bactérias nocivas à saúde. Sendo assim, quando você sentir qualquer dúvida sobre o estado dos produtos, o melhor a fazer é jogar fora. Mesmo que em pequena quantidade, um alimento estragado pode provocar sérias consequências. 

6. Armazenar os pães de forma incorreta

Gamzova Olga / Shutterstock.com

No que diz respeito ao armazenamento dos pães, vale lembrar que eles devem ser conservados em locais secos e refrigerados, e o único local de uma cozinha com tais características é a geladeira. Entretanto, antes de colocar os pães dentro dela, certifique-se que eles estejam bem embalados para que não acabem impregnados com o odor de outros produtos. 

7. Lavar as verduras e frutas muito antes do consumo

Yulia Grigoryeva / Shutterstock.com

Após ficar na geladeira por um determinado tempo, os alimentos podem ter a formação de manchas na superfície. É justamente por isso que devemos lavar especialmente frutas e legumes antes de prepará-los ou consumi-los. Uma atenção especial deve ser dedicada aos cogumelos: por conta da estrutura porosa, eles absorvem umidade como uma esponja. Dessa forma, após a lavagem, seque-os com uma toalha de papel.

8. Cozinhar o macarrão em demasia

StockphotoVideo / Shutterstock.com

Apesar de chefs de todo o mundo recomendarem o cozimento das massas até o ponto "al dente", muitas donas de casa preferem deixá-las cozinhar por mais tempo para que elas fiquem mais macias. No entanto, acompanhamentos cozidos demais têm um índice glicêmico mais alto, o que contribui para o aumento dos níveis de açúcar no sangue. Por sua vez, isso pode levar a quilos em excesso e ter um impacto negativo na saúde dos diabéticos.

Para não colocar a sua saúde em risco, procure dar atenção aos itens indicados acima. Não se esqueça de compartilhar essas informações com seus amigos e conhecidos!

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Cuidado com os panos de cozinha: eles limpam e secam, mas também podem espalhar bactérias perigosas


Este material é destinado apenas a fins informativos. Alguns dos produtos e itens discutidos neste artigo podem causar reações alérgicas ou danos à saúde. Antes de fazer uso deles, consulte um especialista devidamente habilitado. Os editores não são responsáveis por quaisquer consequências que possam ser causadas pelo uso dos métodos, produtos ou itens descritos neste artigo.