Pai desnaturado? Tom Cruise se recusa a ver a filha mais nova, Suri, por causa de sua religião radical

Quando se trata de divórcio, um dos maiores pontos de preocupação é o que vai acontecer com as crianças. Se um cuidado especial não for tomado, a decisão entre os pais pode afetar a criança, mesmo nos anos posteriores.

Pai desnaturado? Tom Cruise se recusa a ver a filha mais nova, Suri, por causa de sua religião radicalgettyimages

No caso de Tom Cruise e Katie Holmes parece que alguém não está fazendo um esforço para atender às necessidades emocionais da criança. Há relatos de que o ator do filme Missão Impossível escolheu não ver sua filha de 12 anos, Suri, apesar de ter direito a passar 10 dias por mês com a ela. 
 
Relatórios afirmam que Tom Cruise se recusou a ver a filha Suri por anos e tudo porque ela não faz parte de uma seita religiosa chamada cientologia.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Fun night at #jingleball 💕 @taylorswift 💕💕💕💕🎀🎀🎀🎀

A post shared by Katie Holmes (@katieholmes212) on

Tom segue a religião que proíbe contato com quem não faça parte da mesma. Desde seu divórcio com Katie, após 6 anos casados, o astro do cinema não se interessou em ser um pai presente. O casal se divorciou em 2012 e Katie ficou com a guarda exclusiva da filha. 


 RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Inaceitável! Bebê morre minutos depois de ser batizado e o vídeo do ato violento está horrorizando o mundo inteiro!


Desde então, fontes dizem que Suri tentou entrar em contato com o pai enviando cartas e deixando mensagens de voz, mas sem sucesso.  
Segundo informações, Tom usa um terceiro para dizer a ela que a ama e que ele recebe todas suas mensagens.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

#tbt 💕💕💕💕💕💕🎀🎀🎀🎀🎀

A post shared by Katie Holmes (@katieholmes212) on

Embora em determinado momento Katie tenha dito que Tom faz “sua parte” todos os aniversários e Natal, sempre enviando um presente, ele ainda não se compara ao valor de sua presença real. 
 
A última vez que Tom e Suri foram fotografados juntos foi em 2013. Desde então, não temos certeza de quando Tom viu sua filha novamente.

O verdadeiro choque em tudo isso é que a US Weekly informa que Tom esteve ausente da vida de sua filha porque ela não frequenta a cientologia. Quando o casal se divorciou, tanto Katie quanto Suri deixaram a igreja. 

Enquanto isso, o famoso crítico de sociologia, Tony Ortega observou que é uma prática comum para os seguidores da cientologia se afastarem daqueles que deixam a igreja. É isso que pode provavelmente está acontecendo neste caso. No entanto, é importante saber que Tom parece ter um relacionamento cordial com seus dois filhos mais velhos, Connor e Isabella, que são seguidores da crença. 
 
É realmente injusto que a pequena Suri esteja sendo forçada a crescer sem o pai. Esperamos que Tom encontre o caminho de volta à paternidade. Não é uma missão impossível! 

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Ela precisou se virar para criar a filha sem abandonar o trabalho; o exemplo veio da própria mãe

Recomendamos