A impressionante transformação da Rainha Elizabeth: da tí

CELEBRIDADES

A impressionante transformação da Rainha Elizabeth: da tímida adolescente à Rainha dos monarcas

Date 19 de junho de 2018

Nas últimas nove décadas, a Rainha ganhou muitos títulos oficiais, incluindo Defensora da Fé e Chefe da Commonwealth.

gettyimages

Naturalmente, não foram apenas os títulos dela que mudaram com o tempo: Sua Majestade evoluiu nos últimos 92 anos.

gettyimages

Como exatamente a Rainha conseguiu mudar continuamente ao longo dos anos? Leia mais para descobrir.

gettyimages

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Rainha Elizabeth e Jackie Kennedy: similaridades interessantes entre seus estilos

Ao nascer, Elizabeth ainda não era rainha, é claro. Seu pai não era o rei também, e foi apenas em 1936 que ele começou a governar. Na época, Elizabeth tinha somente 11 anos de idade.

Naqueles anos, Elizabeth dividia um quarto com uma das súditas da família real, e as duas desenvolveram um vínculo muito forte. A Rainha chegou a criar um apelido fofo para a Sra. MacDonald, "Bobo", que faleceu em 1993.

A avó de Elizabeth II, a Rainha Mary, era muito rigorosa. Ela seguia a filosofia de que crianças deveriam ser vistas, mas não ouvidas. Se ela obedeceu ou não, a futura Rainha cresceu como uma jovem bastante tímida.

Quando a Rainha Elizabeth era uma tímida princesa de 13 anos de idade, ela teve a chance de comparecer ao casamento da Princesa Marina e do Príncipe George.

Foi naquele momento que ela conheceu o primo da noiva, Philip Mountbatten, de 18 anos de idade. A rainha não sabia que aquele rapaz se tornaria seu amado marido.

gettyimages

Apesar das agendas conflitantes, Elizabeth e Philip acabaram ficando noivos. Em 1947, eles apareceram juntos no Palácio de Buckingham pela primeira vez.

gettyimages

Apenas um mês após o casamento, Elizabeth II engravidou. Em 1948, ela deu à luz seu primeiro filho – o Príncipe Charles. Nós não conseguimos nem ao menos imaginar o quão difícil foi a transição do papel de recém-casada para o papel de mãe de primeira viagem.

 

A post shared by ESTELLE MILANO (@estelle_milano) on

Apenas um ano e nove meses depois, o casal celebrou o nascimento de outra criança – era a pequena Princesa Anne.

Imagine ter duas crianças pequenas em casa e descobrir que seu querido pai faleceu. Foi exatamente isso que aconteceu quando a Princesa Elizabeth se tornou rainha, em 1952.

gettyimages

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Isso é que é realeza! A Rainha Elizabeth II dará um privilégio a Meghan Markle que nem os netos reais tiveram

Mesmo com pesar e tristeza, a Rainha levou seu novo papel muito a sério. Após a coroação, ela embarcou em uma carreira de intermináveis cumprimentos e saudações e inúmeros apertos de mãos formais.

Durante sua primeira turnê real de 6 meses, a Rainha viajou um total de 70.000 quilômetros.

gettyimages

A rápida transformação de Elizabeth de princesa para rainha fez com que ela perdesse alguns dos melhores momentos de seus filhos. Essa é provavelmente a razão pela qual o Príncipe Philip e ela decidiram dar as boas-vindas ao terceiro filho deles. Em 1960, Elizabeth deu à luz o Príncipe Andrew.

 

A post shared by Sharon (@thewindsorsfamily) on

A Rainha começou seus experimentos com estilos de moda na década de 1960. Quando a estampa de pele de leopardo se tornou uma tendência, Elizabeth não perdeu em tempo e começou a segui-la.

Em 1964, a Rainha recebeu seu quarto bebê e terceiro menino, o Príncipe Edward.

A Rainha começou a adquirir uma coleção inteira de chapéus estilo Pillbox (chapéus em forma de caixa) e chapéus estilo turbante, que estavam no topo de todas as tendências de moda nos anos 60 e 70.

gettyimages

Embora os chapéus da Rainha tivessem um propósito predominantemente político, eles enfatizavam seu impecável senso de estilo. Algumas escolhas de vanguarda fizeram dela uma verdadeira fashionista!

gettyimages

Os chapéus não são a única maneira pela qual a Rainha é notada. Atualmente, ela tira vantagem de cores poderosas: ela usa qualquer tom, do verde-fluorescente ao laranja e lilás.

gettyimages

Embora seja difícil de acreditar, a Rainha viu o mundo se transformar com seus próprios olhos: desde a invenção da televisão, celulares e internet até avanços tecnológicos muito mais inovadores.

gettyimages

A Rainha Elizabeth também viu a Inglaterra ser devastada durante a Segunda Guerra Mundial. A Rainha testemunhou mais do que qualquer um de nós pode imaginar.

gettyimages

No entanto, mesmo aos 92 anos de idade, a Rainha Elizabeth II continua a evoluir e se transformar enquanto governa a Commonwealth e outros 15 países. Continue com o bom trabalho, Sua Majestade!

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: A história por trás do anel de noivado da rainha Elizabeth