"Não preferiria ter uma boneca que se parecesse com você?" A garotinha dá uma resposta fantástica ao caixa preconceituoso

Família & Crianças

December 27, 2018 15:25 By Fabiosa

racismo é uma questão que tem sido fonte de controvérsias ao longo dos anos, variando desde desigualdades em razão de tratamento social até oportunidades de emprego.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Um garotinho olha a Árvore de Natal de sua casa, encontra uma irmãzinha e sua reação é simplesmente incrível!

Apesar dos problemas que ele tem provocado ao longo dos anos, uma noção permaneceu constante entre várias pessoas: ninguém "nasce racista". Esta garotinha da Carolina do Sul pode ter provado isso.

Sophia é uma menina encantadora de dois anos cuja mãe decidiu levá-la à loja local da Target para lhe comprar um presente.

Tinham prometido uma boneca pelo seu aniversário de um mês de treinamento para usar o penico e a pequena Sophia fez sua escolha com base em um de seus desenhos favoritos de TV, Doutora Brinquedos. Ela escolheu uma boneca médica, de pele negra

Então, aconteceu algo memorável. Quando Sophia chegou ao caixa com sua mãe, Brandi, o caixa perguntou a Sophia se ela estava indo para uma festa de aniversário.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Alerta! Pais detectaram doença fatal da filha depois de uma simples foto no balanço

Ela ficou perplexa, mas Brandi, tentando salvar a situação, explicou ao caixa que era um presente por seu treinamento em tentar usar o penico. Ainda assim, o caixa persistiu e passou a perguntar à menina se aquilo era o que ela realmente queria.

Quando Sophia respondeu que sim, o caixa insistiu e disse à menina que a boneca não se parecia com ela, e que a loja tinha muitas outras que se pareciam com ela.

Nesse momento, Brandi ficou enfurecida e estava prestes a responder ao caixa quando Sophia o fez sozinha, e sua declaração inspirou milhões de pessoas em todo o mundo. Ela disse:

"Sim, ela se parece comigo. Ela é médica e eu também sou médica. Ela é bonita e eu também sou uma menina bonita. Dá uma olhada no cabelo bonito dela. Está vendo o estetoscópio dela?"

Nick e eu dissemos à Sophia que depois de um mês inteiro fazendo cocô no penico, ela poderia escolher um presente especial na Target. Ela, claro, pegou uma nova boneca. Uma verdadeira obsessão. Enquanto estávamos fazendo o pagamento, o caixa perguntou à Sophia se ela estava indo para uma festa de aniversário. Nós dois demos a ela um olhar perplexo. Ela, então, apontou para a boneca e perguntou à Sophia se ela a escolheu para ser uma amiga. Sophia continuou a olhar fixamente e eu deixei o caixa saber que ela era um presente por Sophia estar totalmente treinada em usar o penico. A mulher me lançou um olhar perplexo e se virou para Sophia e perguntou: "Tem certeza de que esta é a boneca que você quer, querida?" Sophia finalmente  disse: "Sim, por favor!" O caixa respondeu: "Mas ela não se parece com você. Temos muitas outras bonecas que se parecem mais com você." Eu imediatamente fiquei com raiva, mas antes que eu pudesse dizer qualquer coisa, Sophia respondeu: "Sim, ela se parece comigo. Ela é médica e eu também sou médica. E eu sou uma garota bonita e ela é uma garota bonita. Veja seu lindo cabelo? E veja o estetoscópio dela?' Felizmente o caixa decidiu abandonar a questão e apenas responder: "Ah, tá legal". Essa experiência apenas confirmou minha crença de que não nascemos com a ideia de que a cor é importante. A pele vem em cores diferentes, assim como o cabelo e os olhos, e cada tom é lindo. #suaquedeclamaçãodecontas #allskinabelhinha #teachlove #teachdiversity #thenextgenerationiswatching

Brandi ficou chocada, mas ao mesmo tempo aliviada e orgulhosa. Ao ouvir isso, o caixa decidiu abandonar o caso e deixar a garota levar sua boneca escolhida.

Brandi, sendo muito orgulhosa de sua filha, decidiu compartilhar seu tormento em uma página no Facebook. Desde então, ele viralizou com mais de 233 mil compartilhamentos e 653 mil reações.

Um comentarista, Kevin Scudder, que ficou impressionado com as ações de Sophia, escreveu:

O ÓDIO É ENSINADO, mas essa jovem mulher está DESPERTA...

As crianças não nascem racistas para o mundo...elas se tornam racistas por causa dos adultos.

Amém, muito bem dito pela bela garotinha. Essa é a bonequinha do desenho "Doutora Brinquedos"?

Brandi terminou seu post com uma declaração que dizia que suas crenças de que as pessoas nascem sem pensar que as cores de pele importam estavam certas, e, com base no que sua filha fez, concordamos com ela.

Além disso, Sophia nos ensinou duas lições com suas ações. Primeiro, ninguém nasce racista. Em segundo lugar, seja corajoso o suficiente para defender o que você acredita.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Adoráveis gêmeas siamesas finalmente vão para casa após enfrentarem complexa cirurgia de separação!