A história por trás do anel de noivado da rainha Elizabeth

CELEBRIDADES

A história por trás do anel de noivado da rainha Elizabeth

Date 11 de dezembro de 2017

A rainha Elizabeth tem muitas joias à sua disposição, mas há uma peça em particular que ela raramente deixa de usar: seu anel de noivado de diamante redondo de três quilates.

gettyimages

A história desse anel é linda e muito tocante. O diamante, uma pedra central com 10 pequenos pavilhões, era originalmente parte de uma tiara pertencente à princesa Alice de Battenberg, que era bisneta da rainha Victoria.

gettyimages

Em 1946, ao saber que seu filho pretendia fazer um pedido de casamento, a mãe de Philip lhe deu a tiara para que ela pudesse ser desmontada e usada para criar um anel digno de uma rainha; era o diadema que ela mesma havia recebido em seu próprio dia do casamento.

O príncipe contou com os serviços do joalheiro Philip Antrobus Ltd. de Londres para projetar o anel. E ele foi além: escolheu pedras extras da tiara e as transformou em uma grande pulseira de diamante para rainha Elizabeth, que ele deu a ela como um presente de casamento.

gettyimages

Os próprios diamantes datam do fim da dinastia Romanov. Tsar Nicholas II e Tsarina Alexandra da Rússia, os últimos governantes do Império Russo, eram parentes distantes da mãe de Philip e lhe ofereceram o diadema no dia de seu casamento. Agora, muitos anos depois, estas peças estão no anel da Rainha da Inglaterra.

Esses diamantes não só são eternos, como também parecem ajudar os casamentos a durar para sempre. Que história emocionante sobre o casal real!