Sete coisas que as companhias aéreas podem fazer com seus p

INSPIRAÇÃO

Sete coisas que as companhias aéreas podem fazer com seus passageiros, mas que pouquíssima gente sabe

Date November 7, 2017 15:06

Há pouco tempo, todo mundo ficou sabendo do escândalo que aconteceu com uma companhia aérea dos Estados Unidos que, ao fazer overbooking e não encontrar voluntários para descer, solucionou o problema arrastando um dos passageiros para fora do avião!

A reação das pessoas que ficaram sabendo pelas redes sociais foi atacar a empresa em várias ocasiões, por isso o diretor executivo pediu desculpas publicamente. Depois defendeu seus empregados garantindo que “seguiram os procedimentos estabelecidos para lidar com situações como estas”.

Terá sido verdade? Aqui te deixamos uma lista com as coisas que as companhias aéreas podem fazer em casos de emergência e que certamente você não sabia:

1. Obrigar um passageiro a descer do avião

Fazer overbooking em voos parece ser algo que não é permitido, mas é e muitas companhias aéreas fazem isso.

Quando isto acontece, os comissários de bordo procuram voluntários para deixar seus assentos e ser realocados em outros. Se não há nenhum voluntário, os comissários escolhem passageiros aleatoriamente e os obrigam a descer do avião, como aconteceu no caso que se tornou viral.

2. Te prender e/ou multar

Há pessoas que têm modos muito agressivos ou grosseiros, resistem em acatar ordens da tripulação e respondem com gritos ou insultos diante de alguma situação que não seja do agrado. Já durante o voo, há quem bebe demais e assume atitudes violentas, quando isto acontece no ar, os comissários têm uma autoridade quase ilimitada.

Graças a diferentes acordos internacionais, os comandantes têm autorização para prender ou multar pessoas, até podem redigir o testamento de um passageiro que esteja em agonia ou certificar sua morte.

3. Não te deixar usar o boleto que você já pagou

Esta prática está a ponto de se tornar ilegal, mas até hoje, se a companhia aérea considera que há algo estranho nas suas escalas, que você não fez uma delas, que perdeu um voo, etc., pode decidir por não te deixar viajar.

4. Não pagar em caso de atraso ou perda de mala

Quando a entrega de mala atrasa, a companhia aérea é obrigada a recompensar os passageiros afetados de maneira econômica ou com comida, bebida e ligações telefônicas, mas isto depende das razões do atraso.

Se o atraso é por causa de algo que eles não podem controlar, como o clima, não são obrigados a te compensar de nenhuma forma.

5. Te obrigar a permanecer no avião por até três horas

Aviões cheios podem demorar para decolar por no máximo três horas. Só depois desse tempo é que os passageiros poderão descer.

6. Te obrigar a levantar a persiana da janela

Às vezes é chato quando nos pedem para levantar a persiana da janela, mas isso acontece pois, em caso de acidente, seus olhos terão se adaptado às condições da luz do exterior do avião.

Se tiver que deixar o avião, você será capaz de enxergar melhor e as equipes de resgate poderão ver o que está acontecendo dentro.

7. Abrir os banheiros do lado de fora

Os banheiros dos aviões não são um lugar de total intimidade. Existe um mecanismo que pode abrir a porta pelo lado de fora e que está escondido atrás do aviso de “não fumar”.

Temos certeza que depois de ter lido isto suas viagens de avião não serão iguais e você estará mais alerta a tudo que estiver acontecendo.