Estudos recentes indicam que a saúde dos dentes está relac

SAÚDE E ESTILO DE VIDA

Estudos recentes indicam que a saúde dos dentes está relacionada com as doenças do coração

Date October 12, 2017 13:33

Cada vez mais temos informação sobre a saúde oral e tudo indica que ela é vital para a saúde em geral. No entanto, muitas pessoas vivem com doenças nos dentes sem diagnosticar. A razão pode ser porque os dentes do paciente parecem estar bem, então ele evita ir ao dentista e porque as visitas ao médico raramente são por causa da saúde oral.

Recomendamos para você: Os dentes de leite não são de leite! Aqui te explicamos por que os chamam assim

Mas, recentemente foram divulgadas provas que vinculam a saúde oral e as doenças do coração. Em primeiro lugar, os estudos recentes mostram que se temos doenças nas gengivas em uma etapa moderada ou avançada, estamos com maior risco de doença cardíaca que alguém com gengivas saudáveis. Em segundo lugar, a saúde oral pode proporcionar aos médicos sinais de advertência para uma ampla gama de doenças e condições, incluindo as do coração.

A saúde bucal e as doenças do coração estão conectadas pela propagação de bactérias e outros germens da boca a outras partes do corpo através da corrente sanguínea. Quando estas bactérias chegam ao coração, podem se unir a qualquer área frágil e causar inflamação. Isto pode acabar em doenças como endocardite, uma infecção do revestimento interior do coração. Outras doenças cardiovasculares como a aterosclerose (artérias obstruídas) e acidentes vasculares cerebrais também se relacionaram com a inflamação causada pelas bactérias orais, de acordo com a Associação Americana do Coração.

Os pacientes com doenças crônicas nas gengivas como a gengivite ou doença periodontal avançada têm maior risco de doenças cardíacas causadas por uma má saúde bucal, sobretudo se permanece sem diagnosticar e tratar. As bactérias que se associam com a infecção das gengivas estão na boca e podem entrar na corrente sanguínea, onde se aderem aos vasos sanguíneos e aumentam o risco de doença cardiovascular. As bactérias também podem migrar à corrente sanguínea causando um aumento da proteína C-reativa, o que é um fator para a inflamação nos vasos sanguíneos. Isto pode aumentar o risco de doenças cardíacas e acidentes vasculares cerebrais.

Segundo a Associação Americana de Periodontologia (AAP), estes são os sintomas das doenças nas gengivas:

- Gengivas vermelhas, inchadas e dor ao tato

- Gengivas que sangram quando comemos, escovamos os dentes ou usamos fio dental

- Pus ou outras formas de infecção ao redor das gengivas e dos dentes.

- Mau-hálito ou gosto ruim na boca frequentemente.

- Dentes frouxos, como se estivessem separando dos outros.

Uma boa higiene oral e exames dentais regulares são a melhor maneira de se proteger contra o desenvolvimento de doenças nas gengivas. Os dentistas recomendam escovar os dentes duas vezes por dia com uma escova de cerdas suaves para se adaptar a sua boca comodamente, para que chegue a cada superfície dental adequadamente. Também recomendam usar uma pasta de dente regulada e usar fio dental todos os dias para uma limpeza completa.

Ao ser responsáveis pela nossa saúde oral, podemos nos proteger das doenças do coração e manter um sorriso saudável, limpo e lindo ao longo de toda a nossa vida.

É importante deixar claro que toda informação contida no Fabiosa tem um fim exclusivamente informativo, e que em nenhum momento deve ser considerada como assessoria, diagnóstico ou tratamento médico profissional. Nunca deixe de procurar um médico, nem demore para buscar assistência médica por algo que tenha lido neste site.

Veja também: Veja aqui está o que acontece se você limpar seus dentes com morangos ou tomates. O resultado irá surpreender você