Aneurisma cerebral: quais são os sintomas e fatores de risc

INSPIRAÇÃO

Aneurisma cerebral: quais são os sintomas e fatores de risco que precisamos observar

Date November 7, 2018 14:51

O aneurisma cerebral é o inchaço da parede de alguma das artérias do cérebro. Ele acontece devido à fragilidade desse tecido, fazendo com que se estire. O maior risco nestes casos é que esse tecido se rompa, causando uma hemorragia cerebral.

Um dos maiores problemas quando essa condição aparece é que ela pode ocorrer sem que antes se apresentem sintomas. Alguns estudos sugerem que aproximadamente 5% da população pode sofrer um aneurisma, sem mesmo saber que teve um.

O mais indicado nesses casos seria encontrar o aneurisma antes que ele estoure, e algumas vezes realmente aparecem diversos sintomas anteriores aos quais deveríamos estar atentos.

Sintomas de um aneurisma sem derrame

Como já comentamos acima, é muito frequente que um aneurisma sem sintomas apareça; contudo, há vezes que ele cresceu tanto que começa a pressionar os tecidos e nervos do cérebro, o que pode gerar alguns sintomas, por exemplo:

  • Dor em um dos olhos;
  • Dilatação de uma pupila;
  • Paralisia de um dos lados do rosto;
  • Queda de uma das pálpebras.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: 6 atitudes para manter a saúde mental em dia

Sintomas de aneurisma com derrame

Antes de estourar, um aneurisma pode começar a apresentar pequenas infiltrações de sangue no cérebro. Este é geralmente o momento que precede o derrame e por isso é de suma importância prestar atenção, apesar de ser algo muito pontual e que geralmente é deixado passar por alto. Logo após um derrame mínimo, aparece uma dor muito localizada e intensa.

Quando o derrame ocorre, a dor de cabeça é muito intensa. Os pacientes que sobreviveram a este problema descrevem a dor como a mais forte que tiveram na vida. Além da dor, podem aparecer outros sintomas, tais como:

  • Náuseas e vômitos;
  • Rigidez na nuca;
  • Visão turva;
  • Fotossensibilidade;
  • Convulsões;
  • Queda de uma das pálpebras;
  • Perda do conhecimento ou confusão mental.

Fatores de Risco

A detecção de um aneurisma antes que haja um derrame é bastante difícil, porém existem algumas condições que nos fazem mais suscetíveis a apresentar este problema de saúde. Sendo assim, é importante conhecer quais são os fatores de risco para fazer check-ups de rotina e perceber o problema a tempo.

Tais fatores de risco podem ser de duas naturezas: aqueles que se referem ao estilo de vida e os genéticos.

Entre os do primeiro grupo está a hipertensão, a arteriosclerose e o baixo nível de estrógeno no sangue, além de lesões na cabeça.

O aneurisma geralmente se desenvolve em adultos, mas há fatores que nos deixam mais propensos ao problema desde o nascimento. Entre eles estão os transtornos hereditários de tecido, doenças renais, aorta estreita, malformação de artérias e existência de antecedentes familiares de aneurisma cerebral.

Como vimos, ainda que a detecção de um aneurisma cerebral pelos sintomas seja complicada, devemos estar preparados para agir rapidamente e evitar um derrame. O mais indicado é procurar ajuda médica de maneira urgente se algum dos sintomas for percebido e conhecer os fatores de risco.

Se você achou essa informação importante, não deixe de compartilhá-la com familiares e amigos!

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: É apenas uma dor de cabeça ou algo mais perigoso? Como identificar um aneurisma cerebral antes que seja tarde demais


Este artigo é meramente informativo. Não se automedique e, em todos os casos, consulte um profissional de saúde certificado antes de usar qualquer informação apresentada nesta publicação. O conselho editorial não garante nenhum resultado e não assume qualquer responsabilidade por danos que possam resultar da utilização das informações constantes no artigo.