O que é a síndrome de Guillain-Barré? Estes são seus sin

SAÚDE E ESTILO DE VIDA

O que é a síndrome de Guillain-Barré? Estes são seus sintomas, tratamentos e causas

Date May 16, 2018 21:43

A síndrome de Guillain-Barré é um distúrbio no qual os nervos sofrem ataques do sistema imunológico; portanto, podemos dizer que a fraqueza dos membros é sentida como o primeiro sintoma. Eventualmente, o corpo fica completamente paralisado e muitas pessoas requerem tratamento médico de emergência.

Emily frost / Shutterstock.com

Causas

Até o momento, as causas exatas não são conhecidas. No entanto, diz-se que a condição pode estar relacionada a fatores como infecções respiratórias ou digestivas e até mesmo ao vírus Zika, transmitido por mosquitos.

nechaevkon / Shutterstock.com

Sintomas e casos

O paciente começa a sentir pouca força nas pernas e nos braços até se tornar impossível caminhar ou carregar objetos. Segundo os especialistas, a doença pode fazer tudo isso em três ou quatro semanas. Além disso, há dificuldade em respirar e problemas de pressão arterial alta ou baixa.

Recentemente, a incidência dessa condição tem aparecido com bastante frequência em países como o Peru e em outros lugares da América Latina, por isso é importante criar mais consciência sobre esta doença.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Crianças com síndrome adquirida pelo Zika vírus ainda estão sem tratamento

Tratamento

Os médicos geralmente recomendam um processo chamado plasmaférese, no qual o sangue do paciente é "limpo" para ser transplantado novamente. Além disso, eles geralmente injetam imunoglobulina e anticorpos nos pacientes. A fisioterapia, por sua vez, é importante para recuperar a mobilidade nos membros.

Complicações

Uma das complicações mais fatais que podem ocorrer é a paralisia respiratória grave. Trinta por cento dos pacientes com esta síndrome geralmente precisam de ajuda temporária para respirar em algum momento. Da mesma forma, arritmias cardíacas perigosas e problemas para urinar ou defecar podem ocorrer.

É importante saber mais sobre esta síndrome e ir ao médico em caso de qualquer dúvida. Também é necessário manter a calma, pois a síndrome é perfeitamente tratável e as mortes por esta doença realmente são pouco frequentes.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Pesquisa revela que nem toda gestante com zika tem filhos com microcefalia


Este artigo é meramente informativo. Não se automedique e, em todos os casos, consulte um profissional de saúde certificado antes de usar qualquer informação apresentada nesta publicação. O conselho editorial não garante nenhum resultado e não assume qualquer responsabilidade por danos que possam resultar da utilização das informações constantes no artigo.