Turista argentino conhece menino que está a ponto de morrer. Ele fará tudo para mantê-l

INSPIRAÇÃO

Turista argentino conhece menino que está a ponto de morrer. Ele fará tudo para mantê-lo vivo

Date June 21, 2017 06:16

O argentino, Gonzalo Erize, decidiu viajar para a Tailândia e realizar um curso de kung-fu. Algum tempo antes, alguém leu as cartas para o rapaz e lhe disse que algo que iria mudar a sua vida. Estava a ponto de acontecer, mas o rapaz não levou a história muito a sério. Algum tempo depois, embarcou com destino a Pho Kham, uma pequena cidade no Laos... Ali algo incrível aconteceu.

infobae.com

A primeira vez que viu Saun em um campo de futebol, o menino estava sentado vendo os outros jogares. Gonzalo se aproximou, o garoto sorria feliz ao ver o desconhecido, mas não podia se mexer. Saun padecia de uma condição estranha. Dono de um corpo pequeno e magro, sua barriga não parava de crescer. Gonzalo se interessou pela história do menino, conseguiu um tradutor e investigou com médicos na cidade, mas ninguém sabia que doença era aquela.

infobae.com

Gonzalo e Saun se aproximaram muito, o argentino comprou roupas para o garoto, o levou ao médico e os dois brincavam juntos. Entretanto nenhum hospital do Laos era capaz de dar um diagnóstico para o caso. Gonzalo decidiu então ir para a Tailândia em busca de um médico que pudesse curar o menino. Encontrou um hospital onde podiam tratá-lo, mas em decorrência de trâmites burocráticos, Saun só poderia ser atendido em 4 meses. Ele não podia esperar tanto tempo.

infobae.com

Outra opção era pagar 10 mil dólares para que Saun fosse internado. Porém nem a família do garoto, nem Gonzalo, dispunham desta quantia. Gonzalo deu início a uma campanha na internet e em 10 dias conseguiu 15 mil dólares. O pequeno foi então levado à Tailândia e finalmente lhe deram um diagnóstico, ele é portador de uma doença chamada Hyrchsprung. Essa doença fazia com que Saun não eliminasse a quantidade de fezes esperada para a sua constituição, aos 11 anos, havia defecado apenas 30% do esperado para a sua idade. Ele estava sendo envenenado pelas próprias fezes.

infobae.com

Em dois meses de tratamento, Saun se recuperou completamente e teve alta. O dinheiro que sobrou, foi doado a um pai do Paquistão que precisava de ajuda para tratar a filha doente. Atualmente, Gonzalo continua inspirando pessoas a ajudar crianças com poucos recursos.

infobae.com