Você nota alguém parecido entre as imagens? Descubra a origem maia dos costumes de belez

SAÚDE E ESTILO DE VIDA

Você nota alguém parecido entre as imagens? Descubra a origem maia dos costumes de beleza

Date June 21, 2017 15:36

Quando recentemente ficou na moda a cultura hipster, muitos começaram a afirmar que os padrões de beleza que colocava em jogo esta tribo urbana pareciam dar uma virada nos critérios de masculinidade e feminilidade imperantes.

pinterest

No entanto, se voltarmos meio século nos confrontamos com os hippies: cabelos longos, perfurações e tatuagens. Eles também implicaram uma virada nos modos de conceber a beleza do corpo.

n--gazogne-6xa

Mas, de onde vem todas estas formas de nos enfeitar, maquiar e comportar? Na realidade, nada novo sob o sol: podemos achar todas estas formas de embelezamento nas culturas pré-hispânicas.

ayayay

Poucas vezes foi reconhecida a presença destas culturas na moda através da apropriação, critérios de desenho, formas de embelezar o corpo, entre outras coisas.

educacion

No entanto, a madeixa longa nos homens não é uma invenção hippie nem hipster, os indígenas costumavam usar o cabelo longo e o amarravam em um rabo que enfeitavam, segundo sua classe social, com plumas de quetzal, chapéus, turbantes, ossos e pedras. Em outros casos, trançavam todo o cabelo. O comprimento do cabelo era um símbolo de hombridade, valentia e beleza.

fahrenheit2012

As escarificações e tatuagens têm uma velha data, não só no continente americano, mas também na África.

elcomercio

Os maias costumavam utilizar facas de obsidiana quente para cortar a pele e marcá-la. Usavam diversos desenhos. Ao cicatrizar, ficava a marca da ferida, a fenda era um símbolo de beleza.

pulchritudosite

Eles usavam suas joias feitas, de acordo com a classe social, de jade, ossos ou argila, para se enfeitar e distinguir sua classe e gênero na sociedade.

educacion

Enquanto hoje muitas pessoas recorrem ao centro cirúrgico para realizar intervenções no seu corpo e tirar ou pôr o que consideram falta ou sobra, antes os maias deformavam seu crânio para conseguir um estilo de beleza próprio e singular. O processo costumava ser longo e doloroso e começava desde o berço. Assim como hoje começa desde a escola o desejo incontrolável para aumentar glúteos, pernas e busto.

pulchritudosite

Os maias, além de tudo, consideravam belo o estrabismo. Para isso, também provocavam uma deformação, prendiam bolinhas de resina do cabelo das crianças, que caiam sobre os olhos. Isto as obrigava a virar os olhos até que ficassem vesgas.

pinterest

Trata-se de identificar a origem que jaz em nossas vidas e culturas. Já sabe de onde vem seu estilo?

saupaulo2010