Entender as causas do abuso ao idoso pode certamente nos ajudar a evitar esse problema

O envelhecimento é um processo natural, mas, por muitas razões diferentes, é assustador para a maioria das pessoas. Parte disso é devido ao medo da morte. Outra razão é o medo de se tornar fraco e incapaz de cuidar de si, porque aí você seria totalmente dependente de outras pessoas. E é ótimo quando as pessoas de quem você depende fornecem condições de vida necessárias, satisfazem suas necessidades e o apoiam durante toda a jornada. Infelizmente, as estatísticas mostram que este nem sempre é o caso. O abuso ao idoso é um problema enorme e, para sermos capazes de combatê-lo, precisamos conhecer suas causas e razões.

Entender as causas do abuso ao idoso pode certamente nos ajudar a evitar esse problema

Berna Namoglu / Shutterstock.com

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Não há barreiras para a amizade e o amor! Uma tocante história entre um idoso de 91 anos e uma criança de 4 aninhos

Causas do abuso ao idoso

O abuso ao idoso pode acontecer em qualquer lugar e por qualquer pessoa, mas a maioria dos casos relatados é cometida por membros da família e pela equipe de enfermagem responsável por cuidar das vítimas. Para ser justo, o abuso ao idoso nem sempre é voluntário e consciente. Às vezes, as pessoas nem percebem que podem machucar alguém, por exemplo, ao simplesmente deixar de fornecer o devido cuidado. Portanto, quais são as causas do abuso e negligência ao idoso?

  1. Questões comportamentais. Alguns abusadores estão simplesmente acostumados a resolver problemas com violência. Em alguns outros casos, os abusadores podem estar sobrecarregados, o que se manifesta em violência contra os idosos mais fracos, negligência ou até mesmo abuso financeiro.
  2. Problemas de controle e dominação. Alguns cuidadores estão muito ansiosos para ter poder sobre os adultos mais velhos e é por isso que podem tentar obter controle nos relacionamentos e forçar os adultos mais velhos a fazerem coisas que não querem fazer.
  3. Relacionamentos ruins. Às vezes, os filhos mais velhos e seus pais não têm relacionamentos saudáveis, o que geralmente resulta em todos os tipos de abuso: desde abuso físico à exploração financeira.
  4. Asilo. Duas causas mais comuns de abuso ao idoso em lares para terceira idade são a falta de cuidadores de qualidade e falta de pessoal.

Entender as causas do abuso ao idoso pode certamente nos ajudar a evitar esse problema

ChameleonsEye / Shutterstock.com

Fatores de risco que contribuem para o abuso ao idoso

É compreensível que, depois de um certo momento da sua vida, quanto mais você envelhece, mais difícil é cuidar de si mesmo. É por isso que o termo “adulto vulnerável” existe. Basicamente, significa que qualquer adulto com mais de 60 anos ou que tenha alguns problemas de saúde corre o risco de ser abusado. Quais são os outros fatores que podem contribuir para o abuso de adultos vulneráveis?

  1. Rede social. Adultos mais velhos tendem a ser cada vez menos integrados socialmente a cada ano, o que resulta não apenas em declínio das habilidades cognitivas, mas também no fato de que essas pessoas se tornam ainda mais vulneráveis ​​a todo tipo de golpe.
  2. Meio familiar. Outro risco potencial de maus-tratos é compartilhar o lar com outros membros da família (que não seja o cônjuge). Viver sozinho é considerada a melhor medida de proteção contra o abuso.
  3. Doença mental. A demência é o principal fator de risco para o abuso ao idoso, especialmente em lares para idosos. O agressor percebe que a vítima não seria capaz de denunciar os maus-tratos, o que os torna um alvo fácil.
  4. Relacionamento pessoal com o cuidador. Um dos fatores de risco mais cruciais para o abuso ao idoso é uma relação pessoal entre o cuidador e o adulto vulnerável.

Entender as causas do abuso ao idoso pode certamente nos ajudar a evitar esse problema

Piyadapr25 / Shutterstock.com

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Garçonete ajuda idoso a comer, viraliza na web e acaba tendo consequências para o resto da vida

Como prevenir o abuso ao idoso?

Se você concorda com a afirmação de que ninguém deve tolerar o abuso ao idoso, você ajuda a evitá-lo. Há muitas maneiras diferentes de fazer isso, mas o primeiro passo é aprender mais sobre a natureza dos maus-tratos e negligências de idosos. As estratégias para prevenir o abuso ao idoso podem incluir o seguinte:

  1. Mantenha os adultos mais velhos socialmente ativos pelo maior tempo possível. Foi demonstrado em vários estudos que a integração social ajuda muito na manutenção da boa saúde.
  2. Fique em contato com os adultos mais velhos. A melhor companhia que eles podem ter é a companhia de parentes próximos e amigos. Esteja lá para eles.
  3. Mantenha os adultos mais velhos bem conscientes e informados sobre suas finanças.
  4. Não deixe nenhum adulto mais velho morar com alguém que é conhecido por ser abusivo.
  5. Mantenha os adultos mais velhos fisicamente ativos. Não é necessário explicar como exercícios diários combinados com uma dieta saudável podem não apenas manter, mas também melhorar a saúde.

Entender as causas do abuso ao idoso pode certamente nos ajudar a evitar esse problema

karen roach / Shutterstock.com

Há muitas outras coisas que você pode fazer para prevenir o abuso ao idoso, incluindo realizar o treinamento de cuidadores para demência, participar de campanhas de conscientização, aconselhamento com um psicólogo e, é claro, relatar qualquer suspeita de abuso ao idoso. Se você acredita que a vítima está em perigo iminente, você deve ligar para o 190 o mais rápido possível. Caso contrário, você pode telefonar para o disque denúncia para abuso ao idoso ou entrar em contato com as autoridades responsáveis da sua região. Muitos casos de abuso ao idoso continuam sem serem denunciados, o que só piora a situação. Vamos mudar isso!

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: O vencedor mais idoso da loteria cai em lágrimas ao revelar como ele e sua esposa pretendem gastar mais de 80 milhões de reais