Como identificar os primeiros sinais de um derrame rapidamen

SAÚDE E ESTILO DE VIDA

Como identificar os primeiros sinais de um derrame rapidamente com três perguntas simples

Date May 18, 2018 17:15

O acidente vascular cerebral (AVC), mais connhecido como derrame, é uma condição muito grave que ocorre quando o fluxo sanguíneo no cérebro é interrompido devido a uma obstrução ou ruptura de um vaso sanguíneo. O derrame é a terceira principal causa de morte e a primeira causa de debilitação a longo prazo nos Estados Unidos. Todos os anos, cerca de 800 mil americanos sofrem um derrame. Portanto, é importante conhecer os sintomas de alerta desta condição.

Naeblys / Shutterstock.com

Dois tipos de acidente vascular cerebral

Existem dois tipos da doença: o AVC isquêmico e o AVC hemorrágico. Ambos são perigosos, pois podem resultar em danos cerebrais permanentes se não forem tratados a tempo.

O primeiro, o AVC isquêmico, é o tipo mais comum e ocorre quando o surgimento de um coágulo cria uma obstrução nos vasos sanguíneos do cérebro. Isso impede que uma parte desse órgão receba sangue e oxigênio, fazendo com que as células morram.  

O segundo, o AVC hemorrágico, ocorre quando um vaso sanguíneo cerebral se rompe, deixando uma parte do cérebro sem suprimento de sangue e oxigênio. Assim como em um AVC isquêmico, as células cerebrais começam a morrer muito rapidamente.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Homem de 28 anos sofre AVC por carregar mochila pesada demais

Como identificar um derrame?

Foi desenvolvido um sistema muito simples, denominado FAST, para ajudar qualquer pessoa a identificar rapidamente um acidente vascular cerebral usando apenas três perguntas. Como o sistema é mnemônico, cada letra em seu nome significa uma questão ou ação específica. Embora possam variar de uma pessoa para outra, os sintomas listados abaixo são considerados clássicos e recomenda-se procurar atendimento médico imediato se pelo menos um deles estiver presente.

1. Você pode sorrir para mim?

A letra “F” no sistema mnemônico significa “face”, o termo em inglês que significa “rosto”. Tipicamente, o rosto de uma pessoa se inclina e um canto da boca cai na tentativa de sorrir. Na maioria dos casos, você pode observar assimetria, pois apenas um lado do corpo está paralisado. Fraqueza súbita, formigamento e dormência no rosto, braços ou pernas também podem ocorrer.

2. Você pode levantar os braços?

A segunda letra “A” significa “arms”, ou “braços” em português. Normalmente, durante um derrame, uma pessoa não consegue erguer os dois braços ao mesmo tempo, pois um deles tende a ficar caído. Um derrame pode causar uma fraqueza súbita no braço. Pessoas que sofrem um AVC geralmente experimentam, além da fraqueza súbita no braço, falta de coordenação e, às vezes, vertigem ou tontura. Durante um derrame, uma pessoa pode perder completamente o equilíbrio e cair.

3. Você consegue falar comigo?

Como você provavelmente já adivinhou, a terceira letra “S” significa “speak”, o termo em inglês para “falar”. Durante um derrame, as pessoas podem enfrentar dificuldades com a fala: as palavras podem soar enroladas, confusas ou pouco claras. Peça à pessoa para nomear coisas simples como uma mesa ou um livro. Você também pode pedir que ela diga o nome de três animais. Respostas erradas ou a ausência de uma resposta podem indicar um derrame. Além disso, se o derrame estiver localizado no tronco cerebral, a pessoa pode ter dificuldade em engolir (disfagia).

4. Hora de pedir socorro

A última letra, “T”, significa “time”, ou seja, “hora”. É um lembrete de que não há tempo a perder. Se algum dos sintomas ocorrer, você deve chamar uma ambulância imediatamente. Cada segundo de hesitação pode diminuir as chances de uma recuperação completa. O tempo desperdiçado significa o aumento do risco de dano cerebral permanente ou morte.

Como prevenir um AVC

Como a causa de um derrame está nos vasos sanguíneos, você deve tomar medidas preventivas semelhantes às das doenças cardíacas. Obviamente, existem muitas maneiras de manter seu sistema cardiovascular saudável. Aqui estão algumas entre as mais eficazes:

  • evite comida rica em gorduras saturadas e colesterol;
  • não fume;
  • evite o consumo de bebidas alcoólicas;
  • mantenha um peso saudável (IMC);
  • exercite-se pelo menos 30 minutos por dia;
  • coma mais frutas e legumes;
  • verifique a sua pressão arterial regularmente.

Podemos mudar as estatísticas juntos! Ajude a aumentar conscientização sobre o acidente vascular cerebral entre seus amigos e familiares, pois o conhecimento pode salvar vidas. Tome cuidado e mantenha-se saudável!

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Descubra os principais riscos e os sintomas das doenças cardíacas


Este artigo é meramente informativo. Não se automedique e, em todos os casos, consulte um profissional de saúde certificado antes de usar qualquer informação apresentada nesta publicação. O conselho editorial não garante nenhum resultado e não assume qualquer responsabilidade por danos que possam resultar da utilização das informações constantes no artigo.