Mulher descobre que tem câncer enquanto mexia no Facebook e agora tenta alertar o maior número de mulheres possível!

Muita gente acha que ficar com o celular nas mãos, mexendo nas redes sociais, é uma perda de tempo. Mas em alguns casos, isso pode acabar sendo bastante útil e, inclusive, salvar vidas! Se você duvida disso, precisa conhecer a história de Laura Laura Everley.

A história de Laura

Um dia, Laura estava casualmente mexendo no Facebook quando o post de uma de suas amigas chamou a atenção. O texto listava basicamente os sintomas de um câncer no ovário.

Assim que leu aquilo, Laura percebeu que tinha todos os sintomas e escreveu sobre sua história para o Target Ovarian Cancer. Ela conversou com um médico e marcou uma consulta. Quando fez o exame, descobru um cisto e fez a remoção para um teste.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Jovem que foi diagnosticada com câncer cervical faz alerta para conscientizar outras mulheres sobre a doença

Em outubro de 2014, Laura recebeu uma ligação do hospital pedindo que fosse ao local imediatamente. Lá, os médicos disseram que ela tinha carcinoma nas célular claras, um tipo de câncer de ovário.

A primeira reação de Laura foi começar a chorar assim que recebeu a notícia. Ela ligou para o marido, Mark e contou tudo, pois não podia esperar para dizer a ele pessoalmente - a notícia era devastadora demais. Em casa, ainda tinha que contar a seu filho de 5 anos, Harry, sobre isso. Felizmente, ele nem se aborreceu porque não fazia ideia do que significava tudo aquilo.

Depois do diagnóstico, os médicos deram duas opções à Laura: remover o ovário afetado ou fazer uma histerectomia completa. Ela escolheu a última e também teve que passar por quimioterapia.

Ao compartilhar sua história, Laura não deixou de dizer o quanto era sortuda e encorajou outras mulheres a fazer exames rotineiros, mesmo quando acham que estão 100% bem.

Pode parecer mais fácil descartar os sintomas e focar em outra coisa, mas o risco não vale a pena. Os sintomas são todos um pouco vagos e muitos deles podem significar outras coisas. Eu acho que a incerteza leva as pessoas a procurarem ajuda médica.

Eu tive todos os sintomas, mas algumas pessoas podem estar experimentando apenas um ou dois. Acho que o ponto que eu mais gostaria de destacar para outras mulheres é que você não precisa de todos os sintomas para ter câncer de ovário.

Esse tipo de câncer é tão comum assim?

Câncer de ovário é bem comum. Todo ano, cerca de 20 mil mulheres são diagnosticadas nos Estados Unidos. No Reino Unido, são cerca de 7,3 mil diagnósticos. Mas, mesmo com essa prevalência, poucas mulheres sabem sobre ele.

Basicamente, o câncer de ovário pode não produzir sintomas até que se espalhe. Assim, quando os sintomas estão presentes, os mais comuns são os seguintes:

  • sensação de inchaço;
  • dor pélvica ou abdominal;
  • sensação de satisfação rapidamente ao comer;
  • precisar fazer xixi com mais urgência e / ou frequência.Mulher descobre que tem câncer enquanto mexia no Facebook e agora tenta alertar o maior número de mulheres possível!Orawan Pattarawimonchai / Shutterstock.com

Outros sintomas da doença também podem ser:

  • cansaço persistente;
  • dor de estômago;
  • dor nas costas;
  • dor durante a relação sexual;
  • prisão de ventre;
  • mudanças no período menstrual (sangramento intenso ou irregular);
  • inchaço abdominal e perda de peso.

Se tiver qualquer desses sintomas, procure ajuda médica para obter um diagnóstico. Lembre-se, cuidar da saúde é muito importante!

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Um ciclo menstrual mais longo que o normal pode indicar que você sofre de algum destes 7 problemas de saúde


Este artigo é meramente informativo. Não se automedique e, em todos os casos, consulte um profissional de saúde certificado antes de usar qualquer informação apresentada nesta publicação. O conselho editorial não garante nenhum resultado e não assume qualquer responsabilidade por danos que possam resultar da utilização das informações constantes no artigo.