Durante participação nas Olimpíadas de Inverno, esquiador

ANIMAIS

Durante participação nas Olimpíadas de Inverno, esquiador salva cães criados para consumo humano

Date February 28, 2018 14:13

O esquiador norte-americano, Gus Kenworthy, durante a sua estadia em Pyeongchang, na Coreia do Sul, cometeu um ato heroico. Ele, junto com o namorado, ajudaram a salvar 90 cães que seriam destinados ao consumo humano. Tudo aconteceu durante os Jogos Olímpicos de Inverno e o atleta de 26 anos, relatou em seu Instagram, de como aconteceu o salvamento dos animais.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Um cão labrador é repreendido por seu tutor, mas ele sabe como pedir perdão e amolecer seu coração (vídeo)

Segundo ele, os cães estavam em um local de situação precária e de maus-tratos, próximo a uma espécie de matadouro. “Nesta manhã Matt e eu tivemos uma visita de coração a uma das 17 mil fazendas de cães aqui na Coréia do Sul. Em todo o país, 2,5 milhões de cães são criados para alimentação, em algumas das condições mais perturbadoras imagináveis. Sim, há um argumento a ser feito para que comer cachorros é parte da cultura coreana. Mesmo assim, os cães estão malnutridos, são enfiados em jaulas e expostos ao frio e ao calor", denunciou o esquiador.

Gus Kenworthy / Instagram

Para realizar o resgate dos cães, ele se juntou a Humane Society International, uma entidade que protege os animais naquele país. Eles negociaram com o dono do matadouro, que aceitou vender todos os animais e fechar o local. Na postagem, Gus, ainda explicou sobre como os animais são mortos na Coréia do Sul e que a cultura do local permite este tipo de atrocidade, que mata milhares de cães por ano.

O rapaz prometeu dar um melhor destinos aos animais e disse que todos serão levados para os Estados Unidos e Canadá, onde serão postos para adoção. Ele também adotou um cãozinho, que foi batizado de Beemo.

Gus Kenworthy / Instagram

Linda a atitude do atleta. Que os cãezinhos ganhem novos lares e muito carinho.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Ciclista adota cãozinho abandonado na Rodovia dos Bandeirantes (SP)