Qualidade de vida feminina: é possível uma mulher viver be

CELEBRIDADES

Qualidade de vida feminina: é possível uma mulher viver bem até mesmo durante a menopausa?

Date March 29, 2018 14:23

As mulheres estão constantemente passando por inúmeras mudanças no seu corpo. Desde o nascimento, elas já possuem todos os óvulos que usarão durante toda a sua vida e, no decorrer dela, as mudanças hormonais causam um turbilhão transformações no seu corpo. Desde a primeira menstruação e a tensão pré-menstrual, até depois, com o início da vida sexual, o uso de contraceptivos, a maternidade e até a menopausa, a mulher tem sempre que encarar inúmeros desafios que ocorrem ali mesmo, no seu próprio corpo.

HighwayStarz / depositphotos.com

A menopausa é uma das fases mais temidas. Esse famigerado período geralmente é associado à chegada da terceira idade, quando a mulher se sente mais velha. Além disso, esse amadurecimento é também ligado à diminuição da libido e ao fim da vida sexual ativa. Será possível, então, manter uma qualidade de vida mesmo lidando com essas constantes transformações?

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Ao chegar na fase da menopausa, a mulher deve se cuidar para não sofrer com estes 8 problemas de saúde

Em um editorial publicado pelo Jornal da Associação Médica Americana, escrito pelo Dr. David Satcher, afirma-se que a vida sexual de uma mulher geralmente está associada a uma vida saudável e de qualidade. Mesmo assim, o tema ainda é tabu e não costuma ser abordado nas consultas ginecológicas.

monkeybusiness / depositphotos.com

O médico ressalta a importância de os profissionais esclarecerem as dúvidas sobre a vida sexual pós-menopausa, já que as mulheres passam cerca de um terço de sua vida nessa fase. Um dos principais pontos a serem tratados é sobre a “síndrome genitourinária”, que afeta cerca de 47% das mulheres após 3 anos de menopausa.

Essa síndrome causa sintomas como ressecamento vaginal, dor na relação sexual e infecções urinárias. Todavia, ela pode ser tratada, possibilitando à mulher ter uma vida sexual ativa durante a menopausa. Algumas sugestões dadas pelo profissional envolvem o uso de aparelhos vibradores, de métodos estimulantes não farmacológicos e o uso de laser íntimo, que é indicado para os casos de atrofia e de síndrome do relaxamento vaginal.

aletia / depositphotos.com

A correria da vida moderna e o estresse acabam dificultando muitas mulheres a manterem a sua qualidade de vida pós-menopausa. Porém, é possível conservar sua vida saudável com uma orientação médica e superando algumas barreiras e tabus quando o assunto for a vida sexual feminina. Por isso, tire suas dúvidas com o seu médico sempre que possível. Sua saúde agradece!

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Saiba quais são os sintomas da pré-menopausa


Este artigo é meramente informativo. Não se automedique e, em todos os casos, consulte um profissional de saúde certificado antes de usar qualquer informação apresentada nesta publicação. O conselho editorial não garante nenhum resultado e não assume qualquer responsabilidade por danos que possam resultar da utilização das informações constantes no artigo.