Adeus, cólica! Aplicativo ajuda a reduzir a dor menstrual e

Adeus, cólica! Aplicativo ajuda a reduzir a dor menstrual e usuárias afirmam que funciona!

Família & Crianças

April 10, 2018 16:17 By Fabiosa

A cólica menstrual é um dos principais tormentos femininos e pode ser uma grande vilã na vida da mulher moderna. A dor intensa na musculatura uterina é capaz de gerar perda de rendimento nos estudos, indisposição para realizar atividades do dia a dia e até faltas no trabalho.

Nos casos mais graves, ela vem acompanhada de enjoos, sudorese, diarreia, tontura e até desmaios.

Marcos Mesa Sam Wordley / Shutterstock.com

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: 5 maneiras de aliviar as dores da cólica menstrual

Dentre as formas possíveis de aliviar esses sintomas, existe uma que acompanha o ritmo acelerado em que vivemos e ensina uma técnica para que as mulheres possam lidar melhor com eles. Quer saber qual?

Um estudo recente resultou na criação de um aplicativo, que ajuda a reduzir efetivamente as dores desse período por meio da acupressão.

Trata-se de um método derivado da medicina tradicional chinesa. Diferente da acupuntura, essa técnica pode ser feita em casa, como uma forma de autocuidado. Em vez de agulhas, são usadas massagens e aplicações de pressão em pontos específicos do corpo.

Vladimir Gjorgiev

A pesquisa foi realizada por profissionais do hospital Charité - Universitätsmedizin Berlin, na Alemanda, e avaliou um grupo de 221 mulheres, com idade entre 18 e 34 anos, que sofrem de fortes dores menstruais. O objetivo era identificar se a autoacupressão era mais eficaz que os meios tradicionais de tratamento, como os contraceptivos hormonais e outros medicamentos.

As participantes foram divididas aleatoriamente em dois grupos, os quais tiveram acesso ao aplicativo e a uma breve introdução. Apenas um deles, nomeado de grupo de intervenção, recebeu instruções sobre como realizar a autoacupressão antes e durante a menstruação.

nelen / Shutterstock.com

O aplicativo ajudou tais participantes a aplicar técnicas simples desse método em três pontos diferentes de acupressão. Depois de três meses, 37% das mulheres do grupo de intervenção relataram uma redução de 50% na intensidade da dor, número esse que aumentou para 58% após seis meses. Somente 25% das participantes do outro grupo, o de controle, relataram uma redução semelhante durante o período total do experimento.

Além de relatarem níveis mais baixos de dor, aquelas que realizaram a autoacupressçao também usaram menos medicação do que as mulheres do grupo de controle.

“Ficamos surpresos ao ver que, após seis meses, dois terços das participantes continuaram a usar autoacupressão. Até agora, a pesquisa sobre a eficácia clínica dos aplicativos tem sido limitada, e apenas alguns foram testados usando ensaios clínicos randomizados ”, afirmou Daniel Pach, do Instituto de Medicina Social, Epidemiologia e Economia da Saúde.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Dor abdominal? Isso pode ser mais que uma simples cólica menstrual