Homem negro é acusado de roubar a sua própria jaqueta ao tentar sair de loja, mas ele não deixou isso passar batido

Notícias

February 7, 2018 12:38 By Fabiosa

Se basear pelas primeiras impressões pode ser um tremendo equívoco e, nesse caso, foi completamente humilhante. O erro cometido pelos funcionários de uma loja americana poderia ser apenas um deslize, se não tivesse acontecido com um rapaz negro e honesto.

James Conley III tem 29 anos e compartilhou uma série de vídeos que mostram como o racismo é extremamente presente na nossa sociedade. Em um post do Facebook, James escreveu: "Fui acusado de não pagar pela minha jaqueta azul que ganhei de Natal".

Ele disse que foi até o caixa para pagar alguns itens que havia comprado na loja e foi surpreendido com a pergunta se ele ia querer também comprar a jaqueta que estava usando. "Primeiro, eu comecei a rir, porque eu não acreditava que aquilo estava acontecendo", contou James no post.

E a história continua... James conta que o gerente foi bastante não-profissional dizendo que era um comportamento que a loja tinha com todos os clientes que estavam usando peças da marca, sendo que o próprio James já havia frequentado outros estabelecimentos e não havia passado por esse tipo de humilhação.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Meghan Markle é mais uma vez vítima de racismo! O motivo dessa vez foi o noivado com o príncipe Harry

Mesmo após passar a jaqueta no sistema, os funcionários insistiram em fazer com que James pagasse novamente pelo item. Mas o rapaz não ia deixar aquilo acontecer e exigiu que eles recorressem às câmeras de segurança para que fosse provado que ele havia entrado na loja com aquela jaqueta.

O pior de tudo é que depois de terem confirmado que James não era o culpado, os responsáveis pela acusação nem sequer se desculparam pelo inconveniente.

Diante da repercussão da publicação de James, mas de 116 mil reações e de 155 mil compartilhamentos, a empresa de roupas Old Navy, muito conhecida internacionalmente, se reportou e disse que o tipo de comportamento apresentado foi inaceitável e não condiz com os valores da marca. Informaram também que os funcionários envolvidos foram demitidos e que eles levam esse tipo de caso muito a sério.

E para os três envolvidos nesse caso de racismo, com certeza eles aprenderam a lição. E o que você acha sobre esse tipo de situação? Deixe sua opinião nos comentários.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Erika Januza conta sobre o triste episódio de racismo que viveu em frente a casa de seu namorado