Pegou mal! Dove erra feio em propaganda, é acusada de racismo e pede desculpas

SAÚDE E ESTILO DE VIDA

Pegou mal! Dove erra feio em propaganda, é acusada de racismo e pede desculpas

Date October 10, 2017 18:13

É difícil acreditar como algumas campanhas tão equivocadas de grandes empresas chegam a ser veiculadas antes que alguém tenha um lampejo de consciência para barrá-la, mas o fato é que isso acontece com bastante frequência. E o alvo de críticas da vez é a Dove, que errou feio no tom de uma propaganda de sabonete líquido.

A empresa de produtos de higiene e beleza foi acusada de racismo ao retratar uma mulher negra que se transforma em uma mulher branca, em teoria, "graças" ao produto em questão anunciado. Ao postar o vídeo no Facebook em inglês da marca, a Dove viu chover uma enxurrada de críticas. Umas das primeiras ao mostrar seu descontentamento com a forma como a modelo negra é retratada foi a usuária Naythemua, que teve seu post de protesto compartilhado mais de 10 mil vezes.

Após a repercussão negativa, a Dove optou por tirar o vídeo do ar e divulgou um pedido de desculpas oficial em seu Twitter.

"Uma imagem postada recentemente no Facebook, erramos ao representar as mulheres negras. Nos arrependemos profundamente com as ofensas causadas", justificou a marca .

Os internautas, entretanto, não se contentaram com essas desculpas e querem promover um boicote à marca, que já foi acusada de racismo anteriormente.

A modelo negra que participou da campanha, Lola Lola Ogunyemi, disse não sabia que sua imagem seria usada dessa maneira. "Se eu tivesse a mínima noção de que eu seria retratada como inferior, ou como o 'antes' de uma edição com antes e depois, eu teria sido a primeira a dizer um enfático 'não'", disse em entrevista ao jornal britânico The Guardian.

De origem nigeriana, a modelo ressaltou que campanha vai contra tudo o que ela acredita.

Tomara que isso sirva de lição para que outras empresas fiquem mais atentas à mensagem de suas propagandas.

Fonte: Revista Galileu

Recomendado para você: Essa arquiteta só queria depositar seu cheque, mas foi exposta à uma cena de racismo inaceitável