Érika Januza, a Raquel de "O Outro Lado do Paraíso", assim como sua personagem, também

CELEBRIDADES

Érika Januza, a Raquel de "O Outro Lado do Paraíso", assim como sua personagem, também já precisou superar o preconceito e dar a volta por cima

Date December 21, 2017 00:07

O estouro nos índices de audiência da nova novela das 21h, da Globo, “O Outro Lado do Paraíso” tem ajudado a dar luz para alguns problemas que infelizmente ainda fazem parte do cotidiano do brasileiro. Isso porque a trama de Walcyr Carrasco tem abordado temas como violência contra a mulher e o preconceito contra pessoas de idade e negros. Mas a novela tem mostrado que todas essas pessoas que sofreram preconceito ou agressão podem dar a volta por cima.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: À princípio descartada como protagonista de “O Outro Lado do Paraíso”, Bianca Bin conquistou o país e é a grande responsável pelo recorde de audiência da novela

É o caso da personagem Raquel, vivida pela atriz Érika Januza. Na trama, Raquel era uma empregada jovem apaixonada pelo filho de sua patroa e que sofreu todo tipo de preconceito por parte da dona da casa, ao ponto de ser demitida, acusada de um crime que não cometeu.

E nossa caracterizacao está simplesmente arrasando! #amando #lookderaquel #draraquel #ooutroladodoparaiso

Uma publicação compartilhada por Erika Januza (@erikajanuza) em

Depois de um tempo, ela volta à cidade como juíza e deixa sua antiga patroa de queixo caído. E como a vida imita a arte, a trajetória da atriz que dá vida à Raquel também não foi muito diferente.

Alegria em fazer parte desta novela linda! ❤️ #bruquel #ooutroladodoparaiso #walcyrcarrasco

Uma publicação compartilhada por Erika Januza (@erikajanuza) em

Érika Januza é uma daquelas pessoas que precisou superar todo o preconceito sofrido para dar a volta por cima e hoje estrelar como uma das principais personagens da novela das 21h. Em uma entrevista recente, Érika contou que já chegou até mesmo a ser confundida com uma empregada, só por ser negra.

Segundo ela, tudo aconteceu quando ela ia encontrar com seu namorado e quando tocou a campainha, um jornaleiro passava pela rua e gritou para ela pedindo para que aproveitasse que estava ali e entregasse o jornal para seu patrão. E essa não foi a primeira vez que ela foi vítima de preconceito. No começo de dezembro, a atriz relatou em sua conta no Twitter que foi até uma loja para comprar roupas e depois de escolher os produtos que iria comprar, um atendente chegou para ela e perguntou se ela tinha visto o preço. Depois de dizer que sim, o atendente ainda perguntou se ela queria parcelar.

Agora, como uma das principais personagens da trama de Walcyr Carrasco, Érika tem como objetivo abrir os olhos da sociedade para esse problema tão grave que ainda atinge o Brasil: o preconceito.

E temos certeza de que ela está fazendo um belo papel!

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Chris Flores estreia no Fofocalizando e arranca elogios dos fãs nas redes sociais que pediram que sua efetivação