Cachorro clonado na China terá o dobro de massa muscular

Notícias

July 25, 2017 17:35 By Fabiosa

Long Long é o nome do Supercão, ou Mutante: é assim que está sendo chamado o cachorro clonado na China. De raça Beagle, os chineses estão considerando essa realização como uma grande vitória. Isso porque de acordo com o David King, diretor do Human Genetics Alert (HGA), clonar um cachorro é um desafio, não é uma tarefa fácil.

Long Long foi clonado com a previsão de ter o dobro de massa muscular e promete ser muito mais veloz e resistente, devido à mutação genética realizada no DNA, onde foi excluído o gene que restringe esse aumento muscular. A raça Beagle é conhecida pelo instinto de caçador ao mesmo tempo que tem um comportamento dócil.

O cachorro clonado pelos chineses foi anunciado como um avanço que pode contribuir com tratamentos de uma série de doenças degenerativas, como o Mal de Parkinson, Alzheimer, entre outras.

David King alerta para a preocupação de que o material genético (genoma) dos cães tem informações parecidas com o do ser humano. Mesmo assim, como todas as experiências científicas, principalmente ligadas à clonagem, o Long Long chegou para reacender debates e polêmicas ligadas à bioética e a chamada "eugenia", que significa "bem-nascido" e tem relação com a seleção da espécie pela manipulação humana.

A clonagem é um método científico artificial de reprodução, manipulado por pesquisadores, em que se utiliza partes do DNA. A ovelha Dolly foi o primeiro caso de clonagem de animais, em 1996. Ela apresentou envelhecimento acelerado e acabou morrendo um tempo depois. Após a Dolly, outros animais foram clonados. E agora a China clonou o cachorro Long Long. Nos resta saber como essa nova conquista na Ciência será utilizada.

Por Keith Heaton/ Shutterstock

Fonte: Isso é Mundo

Recomendado para você: Te surpreenderá saber o estranho parentesco que estes famosos têm: a genética é fascinante