15 condições estranhas que podem acontecer com os olhos e podem prejudicar a visão

INSPIRAÇÃO

15 condições estranhas que podem acontecer com os olhos e podem prejudicar a visão

Date June 28, 2017 16:20

Se algo tem incomodado sua visão ultimamente, como os cílios entrando no olho, ou pálpebras inchadas, é melhor você procurar um oftalmologista. Pode parecer simples mas coisas estranhas podem acontecer e podem ser algo muito mais sério do que passageiro.

Confira abaixo 15 condições estranhas que podem acometer os olhos e consequentemente podem prejudicar a visão.

1. Cílios que crescem na direção oposta

marinafrost / Shutterstock.com

Ter cílios longos é o sonho de qualquer mulher, mas se esses cílios começarem a crescer na direção oposta, você pode estar com algum problema. O nome da anormalidade que faz com que os cílios cresçam no sentido errado é triquíase. Tal condição pode arranhar as córneas causando uma irritação severa e erosão da córnea.

Se o problema estiver com apenas alguns cílios, eles podem ser removidos facilmente. Agora, se a quantidade for grande, será necessário realizar uma cirurgia para removê-los permanentemente.

2. Pálpebras inflamadas

As pálpebras podem inflamar após uma produção excessiva de sebum, uma espécie de óleo produzido pelas próprias glândulas sebáceas. Também conhecida como blefarite seborréica, a inflamação das pálpebras deixa os olhos vermelhos e irritados, causando coceiras e urgência em piscar.

Os motivos para essa inflamação podem estar associados à alergias, fungos, bactérias, mau funcionamento da glândula da pálpebra, piolhos, ácaros que podem ficar nos cílios e doenças gerais-tubercoluse, diabetes entre outras .

3. Visão dupla

Se você não andou bebendo, a visão dupla pode ser preocupante. Pode ser causada por traumas na região da cabeça, tumor cerebral, botulismo, esclerose múltipla. Felizmente, a maioria dos casos tem a ver com o sistema muscular do olho e pode ser corrigida com lentes, óculos para aliviar os sintomas entre outros métodos não invasivos e em caso mais severos, as cirurgias.

4. Descoloração da pupila

Piotr Krzeslak / Shutterstock.com

O retinoblastoma, conhecida como câncer no olho, costuma acometer crianças, ocorrendo durante a infância ou logo após o nascimento. Os pais percebem a mudança de cor da pupila para amarelo ou branco, irritação, dor nos olhos, estrabismo. A causa está na má-formação das células da retina durante a gestação qdevido a uma mutação genética. O câncer no olho pode ser tratado com radio e quimioterapia e cirurgia a laser.

5. Tracoma

O tracoma é uma infecção por clamídia que pode levar à cegueira. A doença se inicia com sintomas como irritação, vermelhidão severa e piora para pálpebras inchadas, formação de pus e até cegueira. Está altamente associada à falta de higiene e péssimas condições sanitárias.

6. Herpes Ocular

Billion Photos / Shutterstock.com

A herpes é causada por vírus contagioso que também pode acometer os olhos. O vírus pode passar anos "incubado" nos gânglios sem causar sintomas para então começar a afetar a pele e membranas mucosas. A herpes ocular pode afetar qualquer parte do olho e geralmente causa bolhas nas pálpebras, vermelhidão, coceira, sensibilidade à luz e úlceras na córnea. O tratamento é feito com a manipulação de alguns antivirais e medicamentos orais.

7. Úlcera de córnea

Não temos úlceras somente no estômago. A úlcera na córnea surge como uma pequena ferida (uma mancha branca) que surge na parte externa do olho. Elas são bem dolorosas e são causadas por infecções ou olhos muito secos.

Se você estiver sentindo muita dor, vermelhidão, visão embaçada e com sensibilidade à luz, você pode estar com uma úlcera na córnea. Lembrando que nem sempre a úlcera envolve a aparição da mancha branca, basta você ter os sintomas.

8. Hifema

Lucky Business / Shutterstock.com

O hifema trata-se de um acúmulo de sangue que fica localizado entre a córnea e a iris e que pode prejudicar a visão parcial ou completamente. Se não for tratado corretamente, os problemas podem ser permanentes. É possível detectar com o acúmulo de sangue nos olhos, mas também pode se sentir dores e visão embaçada. Em alguns casos, o hifema desaparece sozinho.

9. Hipertensão Ocular

A alta pressão nos olhos é muito perigosa e pode causar lesões no nervo ótico e até cegueira. A hipertensão ocular não possui sintomas muito claros, por isso é importante sempre frequentar um oftalmologista. Pessoas míopes, diabéticos e com histórico familiar de hipertensão ocular são mais propensos a desenvolver o problema.

puhhha / Shutterstock.com

10. Ceratite por acathamoeba

Infecção causada por organismo unicelular e que ocorre geralmente pela higiene inadequada das lentes de contato.

11. Nistagmo

Os músculos dos olhos mexem voluntariamente, ou seja, quando você quer olhar para cima, você olha, para baixo e assim por diante. O nistagmo, os olhos mexem e tremem involuntariamente de um lado para o outro ou de cima para baixo. Pode acometer pessoas de todas as idades e costuma ser consequência de danos cerebrais, intoxicação por drogas ou remédios e tumor cerebral.

12. AVC nos olhos

air009 / Shutterstock.com

Nosso corpo inteiro está coberto de veias sanguíneas, assim como nossos olhos. Se ocorrer algum bloqueio no fluxo de sangue para o olho, é possível ocorrer uma espécie de AVC ocular. A pessoa irá ver manchas, sentir pressão nos olhos, dores e visão embaçada mas todos os sintomas podem ser tratados posteriormente.

13. Ceratocone

A ceratocone é quando nossa córnea, que possui um formato de redoma, se transforma no formato de uma espécie de cone, o que causa visão embaçada, visão duplo ou até mesmo tripla, sensibilidade à luz. Os sintomas podem se estabilizar com a ajuda de lentes de contato ou tratamento cirúrgico.

14. Síndrome de Sjogren

cristina87 / Shutterstock.com

Essa é uma síndrome autoimune e faz com que a pessoa sinta os olhos e bocas extremamente secos. O paciente ainda pode sentir uma queimação nos olhos e a sensação de que há grãos de areia dentro deles. Quando não tratada, a Síndrome de Sjorgren pode ter seus sintomas agravados.

15. Pinguécula

Se você notar uma espécie de larva no seu olho você pode ter uma pinguécula, que é um tipo de degeneração da córnea. Por ser uma formação benigna, ela não exige tratamento. Mas em caso de inflamaçao rara, é preciso recorrer à cirurgia a laser.

Recomendado para você: Os seus olhos podem dizer muito sobre a sua saúde! Não ignore nunca estes sinais!