Morta, 'só que não'! A história da espanhola que briga pa

INSPIRAÇÃO

Morta, 'só que não'! A história da espanhola que briga para provar que está viva

Date 13 de outubro de 2017

Uma tumba de um cemitério leva o nome de Juana Escudero Lezcano. Tudo normal até aqui, não é mesmo? Mas só tem um problema: Juana está viva! Para o Estado espanhol, ela está legalmente enterrada no cemitério de San Gabriel.

A senhora de 54 anos só se deu conta do problema quando precisou ir ao médico e ele deu a notícia de que não podia atender alguém que já havia morrido. Desde então, Juana está há sete anos tentando provar que não morreu e não está enterrada, mas sim muito viva.

A história dela "há muito tempo, já não tem mais graça nenhuma para a família" como explica a EFE Marta, filha de Juana. A senhora acabou descobrindo sua "morte" em 2010, quando precisou de seu médico de confiança por um remédio específico "e o médico olhou para ela, sem saber saber como dizer, falou que o seu seguro social mostrava que ela constava como falecida", continua a Marta.

Juana, assim como todos nós, acreditou que isso fosse um simples problema de informática que seria resolvido em pouco tempo, mas sem saber ela estava naquele dia começando uma luta que dura até hoje porque no cartório consta como se ela estivesse enterrada desde o dia 13 de maio de 2010. Sua morte foi publicado, inclusive no boletim oficial.

Veja também: A França está recrutando um casal para morar em uma ilha deserta!

O cemitério até cobrou a família pelo jazigo (em 2016) e Marta levou sua mãe lá para provar que ela estava viva.

A recomendação foi ir a um juizado específico, mas a única coisa que disseram foi que poderia ser alguma Juana com o mesmo sobrenome e que havia nascido no mesmo dia (11 de setembro de 1963), mas eles não conseguem confirmar a identidade dessa pessoa, coisa que a Juana viva consegue.

Ela quer abrir o túmulo para uma confirmação de DNA, pois hoje Juana não pode renovar sua carteira de habilitação, identidade... Os problemas só se acumulam! Por ironia, a espanhola está morta para todo mundo, menos para os bancos e paga todas as suas contas em dia! Dá para acreditar?

Recomendamos para você: 5 dicas para emagrecer com o slow eating, movimento que quer levar mais consciência para a mesa