Cuidadora de idosos tem a carreira arruinada após postar fo

NOTÍCIAS

Cuidadora de idosos tem a carreira arruinada após postar foto de evento no Facebook

Date February 12, 2018 21:42

Às vezes, uma atitude pensada em ajudar o próximo e trazer uma melhor qualidade de vida para pessoas que amamos pode acabar se virando contra o indivíduo que planejou a ação. Foi o que aconteceu com a inglesa Rachel Burns, que teve sua vida virada do avesso, após postar uma foto de um evento realizado no abrigo para idosos e adultos vulneráveis, em que ela trabalhava há 21 anos.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Mulher que ainda amamenta filha de 5 anos diz que seu marido não está muito contente com isso

Segundo uma reportagem da BBC, Rachel trabalhava como cuidadora assistente na instituição e por perceber que a rotina dos residentes não era das mais divertidas, ela resolveu organizar uma noite de diversão para os idosos. O evento contava basicamente com um jantar, embalado por músicas e danças.

Tudo era um sucesso no abrigo localizado na cidade de Reigate, na Inglaterra. Os residentes adoravam e as noites de sextas-feiras eram aguardadas por praticamente todos os moradores e funcionários do abrigo.

Empolgada com os resultados e feliz por ver os idosos se divertindo, ela resolveu fazer alguns registros e postou uma dessas fotos em seu Facebook.

Mas para sua surpresa, a diretoria da instituição não gostou nada de ver aquela imagem compartilhada nas redes sociais e decidiu demitir a cuidadora. Tudo isso aconteceu em um intervalo de dois meses.

Pelos argumentos da chefia, Rachel teria violado uma série de regras e tinha tido um erro grave de conduta, que resultou em seu desligamento. Entre uma das regras violadas estava a de um dos residentes - um homem com síndrome de down- ter sido identificado na foto.

NewNews/Youtube

Embora Rachel tenha assumido a responsabilidade por ter deixado de lado as regras, ela entrou com recurso, uma vez que trabalhava há 21 anos no abrigo e estava sendo demitida por ter feito algo em prol dos residentes. Sua atitude também foi apoiada por parentes das pessoas que viviam no abrigo.

Por causa dos altos custos do processo, Rachel e seu marido, que luta contra um câncer, acabaram se afundando em dívidas. De acordo com ela, o valor chega a aproximadamente R$ 220 mil, se convertidos para nossa moeda.

O caso só foi finalizado dois anos depois que ela foi demitida, com a Justiça local acolhendo os argumentos de Rachel e concordando que sua demissão foi injusta.

JanPietruszka / Depositphotos.com

Infelizmente, a decisão levou tempo demais para ser tomada e o abrigo em que Rachel trabalhava já tinha sido fechado, com os idosos residentes sendo transferidos para diversas instituições da região.

O final não foi exatamente feliz.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Claudia Leitte achava que Ivete Sangalo ia surpreender os fãs e aparecer em algum trio do carnaval, mas errou feio