Características que fazem de alguém um chefe e não um líder

NOTÍCIAS

Características que fazem de alguém um chefe e não um líder

Date February 2, 2018 21:38

Separamos para você 6 items que indicam que o seu superior é um chefe e não um líder. Veja quais são:

1. Ele não demonstra atitudes positivas

Se a equipe sentir que o superior não sente muito prazer por aquilo que faz, dificilmente eles vão sentir a motivaçao também. Adotar uma postura positiva diante do trabalho é muito importante. E está postura precisa ser vista pela equipe toda.

2. Ele não cultiva o autodesenvolvimento

Todos os membros da equipe devem adquirir novas habilidades e conhecimentos constantemente para o bem da empresa. Caso contrário, uma pessoa que não passou pelo crescimento pessoal e profissional pode ocupar um cargo de liderança depois.

3. Não executa a autogestão

Uma pessoa que não demonstra corretamente a motivação, a atitude e o autocontrole, não pode ser chamada de um bom líder.

4. Não tem cuidado com as atitudes

Um líder deve ter sensibilidade em relação às atitudes, sentimentos e necessidades das pessoas com quem se trabalha.

5. Não estimula relacionamentos colaborativos

A falta de relacionamentos colaborativos afeta os objetivos atuais e futuros dos subordinados e da empresa.

6. Não promove a diversidade

Um líder sabe respeitar e valorizar as diferenças individuais de cada profissional. É assim que ele consegue obter o resultado que deseja.

7. Não estabelece uma boa comunicação

Se não há comunicação direta e periódica, as situações comuns nunca são tratadas como deveriam e os problemas começam a aparecer.

Se, por algum acaso, você leu os items e percebeu que no seu local de trabalho você é um chefe e não um líder, não entre em pânico! Um mentor com mais experiência pode lhe ajudar dando alguns conselhos, identificando certos erros e fazendo com que você mude o modo de pensar.

O desenvolvimento pessoal e profissional deve ser constante, pois só assim teremos um futuro diferente. É muito válido buscar os feedbacks francos com os subordinados, superiores e profissionais de RH. Além do mais, os cursos e treinamentos podem ser bons caminhos, sem contar que um programa de coaching também poderia ajudar muito.

Fonte: Finanças Yahoo

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ:  7 motivos que podem explicar a ausência de uma promoção no trabalho


O material deste artigo é destinado apenas a fins informativos e não substitui o conselho de um especialista devidamente habilitado.