Atleta britânica faz alerta sobre síndrome causada por tre

FAMÍLIA & CRIANÇAS

Atleta britânica faz alerta sobre síndrome causada por treinos puxados e má alimentação

Date January 12, 2018 13:05

Pouca gente sabe o que é RED-S, mas se trata de uma doença que representa riscos sérios à saúde de atletas profissionais e amadores.

O nome dessa enfermidade é Síndrome de Deficiência Energética Relativa ao Esporte e ela pode causar lesões, anemia, infecções, fadiga crônica, problemas cardiovasculares e fragilidade óssea.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Especialistas alertam: treinar demais também faz mal

Recentemente a atleta britânica Bobby Clay, que tem 20 anos e nunca menstruou, veio a público fazer um alerta sobre a doença.

Ela era a promessa do atletismo de seu país, no entanto, devido aos treinos puxados e uma dieta com baixas calorias, Bobby teve seu ciclo menstrual interrompido pelo próprio corpo e sofre de baixa densidade mineral óssea.

A atleta descobriu que tinha a síndrome depois que sofreu uma fratura no pé enquanto estava nadando. “Quando realizei a virada na piscina e empurrei a parede com os pés, um deles quebrou. Doeu muito. Não é normal quebrar um pé na natação”, contou ela em entrevista à BBC.

Segundo a Dra. Maíta Poli de Araújo, ginecologista especializada no tema, explicou à reportagem do UOL Esporte, “Quando a energia não suficiente para o esporte que ele pratica, todos os sistemas são afetados. O atleta começa a ficar cansado, pode ter mais infecções, aumenta a chance de sofrer lesões e, no caso das mulheres, também interfere no ciclo menstrual."

As mulheres jovens que praticam a perigosa combinação de treinos fortes e dietas com baixas calorias são as mais afetadas, no entanto, homens também podem ser atingidos pelos efeitos da RED-S.

É importante lembrar que no momento em que alguém se propõe a praticar atividades físicas, precisa ter atenção à relação de energia que absorve (por meio da alimentação) e a que gasta (praticando esportes) e ser orientado por um profissional.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: Os perigos das dietas de celebridades


Este artigo é meramente informativo. Não se automedique e, em todos os casos, consulte um profissional de saúde certificado antes de usar qualquer informação apresentada nesta publicação. O conselho editorial não garante nenhum resultado e não assume qualquer responsabilidade por danos que possam resultar da utilização das informações constantes no artigo.